Artigo Anais V CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

OFICINAS DE EDUCAÇÃO NUTRICIONAL E FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR EM ADOLESCENTES COM SOBREPESO E OBESIDADE EM CAXIAS-MA

Palavra-chaves: ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL, EDUCAÇÃO NUTRICIONAL, OFICINAS Comunicação Oral (CO) GT 17. Ensino e suas interseções
"2018-10-17 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 48415
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 3418
    "inscrito_id" => 4043
    "titulo" => "OFICINAS DE EDUCAÇÃO NUTRICIONAL E FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR EM ADOLESCENTES COM SOBREPESO E OBESIDADE EM CAXIAS-MA"
    "resumo" => "O excesso de peso é fator de risco importante para doenças cardiovasculares. Embora as manifestações clínicas dessas doenças ocorram na maturidade, estudos mostraram que comorbidades, como as dislipidemias, hipertensão arterial e resistência à insulina, podem estar presentes na infância e na adolescência, sendo responsáveis pelo aumento de risco de morbimortalidade na vida adulta. Apesar de sua conhecida origem multifatorial, o excesso de peso de peso é influenciado por uma alimentação pobre em nutrientes e rica em energia, aliada à inatividade física. A presença de fatores de risco nessa fase da vida, principalmente de forma simultânea (co-ocorrência), tem se configurado como um forte preditor de doenças cardiovasculares na idade adulta. O estudo teve como objetivo identificar fato¬res de risco cardiovascular em adolescentes com sobrepeso e obesidade de uma Instituição Federal de Ensino no Município de Caxias-MA e realizar oficinas de educação nutricional. Trata-se de um estudo do tipo descritivo, transversal, cuja amostra foi composta por adolescentes, de ambos os sexos, entre 14 e 17 anos, com sobrepeso ou obesidade, estudantes do ensino médio integrado ao técnico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão – IFMA Campus Caxias. Os adolescentes foram pesados e medidos durante as aulas de educação física. Após aferição, 30 alunos foram considerados elegíveis para participar do estudo.  As oficinas/rodas de conversa aconteceram tendo como foco a promoção de hábitos alimentares saudáveis e prevenção de agravos, através da discussão de assuntos relacionados, além da exposição de alimentos e degustação de preparações. A prevenção primária das doenças cardiovasculares deve ser iniciada de forma precoce por meio de ações para a promoção da educação em saúde cardiovascular seja no âmbito escolar, domiciliar ou social, dando ênfase na importância da adoção de hábitos de vida saudáveis, como por exemplo, alimentação adequada e realização de prática regular de atividade física ao longo da vida, visto que essas ações mostram ganhos importantes no que diz respeito a qualidade de vida. Promover atividades que impliquem na redução de consumo de alimentos calóricos e estimulem a adoção de hábitos saudáveis é primordial para fortalecer as ações de políticas públicas."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 17. Ensino e suas interseções"
    "palavra_chave" => "ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL, EDUCAÇÃO NUTRICIONAL, OFICINAS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD1_SA17_ID4043_14092018101236.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:32"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:33:59"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MAYLTON SOUSA ALENCAR"
    "autor_nome_curto" => "MAYLTON"
    "autor_email" => "mayltonsousa@hotmail.com"
    "autor_ies" => null
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 48415
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 3418
    "inscrito_id" => 4043
    "titulo" => "OFICINAS DE EDUCAÇÃO NUTRICIONAL E FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR EM ADOLESCENTES COM SOBREPESO E OBESIDADE EM CAXIAS-MA"
    "resumo" => "O excesso de peso é fator de risco importante para doenças cardiovasculares. Embora as manifestações clínicas dessas doenças ocorram na maturidade, estudos mostraram que comorbidades, como as dislipidemias, hipertensão arterial e resistência à insulina, podem estar presentes na infância e na adolescência, sendo responsáveis pelo aumento de risco de morbimortalidade na vida adulta. Apesar de sua conhecida origem multifatorial, o excesso de peso de peso é influenciado por uma alimentação pobre em nutrientes e rica em energia, aliada à inatividade física. A presença de fatores de risco nessa fase da vida, principalmente de forma simultânea (co-ocorrência), tem se configurado como um forte preditor de doenças cardiovasculares na idade adulta. O estudo teve como objetivo identificar fato¬res de risco cardiovascular em adolescentes com sobrepeso e obesidade de uma Instituição Federal de Ensino no Município de Caxias-MA e realizar oficinas de educação nutricional. Trata-se de um estudo do tipo descritivo, transversal, cuja amostra foi composta por adolescentes, de ambos os sexos, entre 14 e 17 anos, com sobrepeso ou obesidade, estudantes do ensino médio integrado ao técnico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão – IFMA Campus Caxias. Os adolescentes foram pesados e medidos durante as aulas de educação física. Após aferição, 30 alunos foram considerados elegíveis para participar do estudo.  As oficinas/rodas de conversa aconteceram tendo como foco a promoção de hábitos alimentares saudáveis e prevenção de agravos, através da discussão de assuntos relacionados, além da exposição de alimentos e degustação de preparações. A prevenção primária das doenças cardiovasculares deve ser iniciada de forma precoce por meio de ações para a promoção da educação em saúde cardiovascular seja no âmbito escolar, domiciliar ou social, dando ênfase na importância da adoção de hábitos de vida saudáveis, como por exemplo, alimentação adequada e realização de prática regular de atividade física ao longo da vida, visto que essas ações mostram ganhos importantes no que diz respeito a qualidade de vida. Promover atividades que impliquem na redução de consumo de alimentos calóricos e estimulem a adoção de hábitos saudáveis é primordial para fortalecer as ações de políticas públicas."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 17. Ensino e suas interseções"
    "palavra_chave" => "ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL, EDUCAÇÃO NUTRICIONAL, OFICINAS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD1_SA17_ID4043_14092018101236.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:32"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:33:59"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MAYLTON SOUSA ALENCAR"
    "autor_nome_curto" => "MAYLTON"
    "autor_email" => "mayltonsousa@hotmail.com"
    "autor_ies" => null
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 17 de outubro de 2018

Resumo

O excesso de peso é fator de risco importante para doenças cardiovasculares. Embora as manifestações clínicas dessas doenças ocorram na maturidade, estudos mostraram que comorbidades, como as dislipidemias, hipertensão arterial e resistência à insulina, podem estar presentes na infância e na adolescência, sendo responsáveis pelo aumento de risco de morbimortalidade na vida adulta. Apesar de sua conhecida origem multifatorial, o excesso de peso de peso é influenciado por uma alimentação pobre em nutrientes e rica em energia, aliada à inatividade física. A presença de fatores de risco nessa fase da vida, principalmente de forma simultânea (co-ocorrência), tem se configurado como um forte preditor de doenças cardiovasculares na idade adulta. O estudo teve como objetivo identificar fato¬res de risco cardiovascular em adolescentes com sobrepeso e obesidade de uma Instituição Federal de Ensino no Município de Caxias-MA e realizar oficinas de educação nutricional. Trata-se de um estudo do tipo descritivo, transversal, cuja amostra foi composta por adolescentes, de ambos os sexos, entre 14 e 17 anos, com sobrepeso ou obesidade, estudantes do ensino médio integrado ao técnico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão – IFMA Campus Caxias. Os adolescentes foram pesados e medidos durante as aulas de educação física. Após aferição, 30 alunos foram considerados elegíveis para participar do estudo. As oficinas/rodas de conversa aconteceram tendo como foco a promoção de hábitos alimentares saudáveis e prevenção de agravos, através da discussão de assuntos relacionados, além da exposição de alimentos e degustação de preparações. A prevenção primária das doenças cardiovasculares deve ser iniciada de forma precoce por meio de ações para a promoção da educação em saúde cardiovascular seja no âmbito escolar, domiciliar ou social, dando ênfase na importância da adoção de hábitos de vida saudáveis, como por exemplo, alimentação adequada e realização de prática regular de atividade física ao longo da vida, visto que essas ações mostram ganhos importantes no que diz respeito a qualidade de vida. Promover atividades que impliquem na redução de consumo de alimentos calóricos e estimulem a adoção de hábitos saudáveis é primordial para fortalecer as ações de políticas públicas.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.