Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

PIBID BIOLOGIA : SEXUALIDADE E INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NA ESCOLA JOSÉ DE ROLDERICK

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO SEXUAL, ADOLESCENTES, EDUCAÇÃO EMOCIONAL Comunicação Oral (CO) GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação
"2017-12-19 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 38217
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 3877
    "inscrito_id" => 5453
    "titulo" => "PIBID BIOLOGIA : SEXUALIDADE E INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NA ESCOLA JOSÉ DE ROLDERICK"
    "resumo" => "A Sexualidade é tratada como tabu, as pessoas geralmente sentem-se inibidas em discutir o assunto. O eixo temático “Sexualidade e Orientação Sexual” está contemplado nos Parâmetros Curriculares Nacionais como tema transversal. Todavia, nem sempre há conhecimento e/ou compreensão do que está acontecendo com seus corpos e sentimentos. O Subprojeto Biologia do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Universidade Federal de Campina Grande - Centro de Educação e Saúde –  Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio José Rolderick de Oliveira, em Nova Floresta - PB), compreendeu a necessidade de trabalhar essa temática, intitulada “Sexualidade Segura”. Esse trabalho objetivou levantar dados sobre a concepção dos estudantes sobre: Sexualidade, Anatomia dos Sistemas Genitais Humanos, DST’s e Métodos Contraceptivos. Foram entrevistados 118 estudantes da 1º e 3º série do ensino médio, a partir de um questionário semiestruturado. Verificou-se que 63% dos entrevistados não apresentaram conhecimento sobre funcionamento do sistema genital, entretanto 84% tem algum conhecimento sobre sexualidade. Ainda, 37% apresentam vida sexual ativa, tendo a maioria iniciado a partir dos 16 anos. Em relação aos métodos contraceptivos, 44% alegaram não ter conhecimento, e 56% conhecem algum método anticoncepcional. Dos entrevistados 19% já utilizaram algum método anticoncepcional, sendo a pílula o método mais citado. Sobre DST’s, 56% afirmaram não ter conhecimento. Desta forma, foram elaboradas atividades que incluíram: estudo da anatomia e fisiologia dos sistemas genitais humanos; palestras sobre concepção e métodos contraceptivos (atividades demonstrativas); roda de conversa sobre as dúvidas mais frequentes embasada pela educação emocional; uso de data show sobre DST’s. Foi notável o envolvimento, empolgação dos discentes e a aquisição dos conhecimentos com as discussões e desenvolvimento das ações. Esse trabalho contribuiu para o esclarecimento de questões básicas sobre Sexualidade Segura, suprindo grande parte do despreparo e dirimiu as dificuldades dos adolescentes quanto às suas dúvidas e ansiedades."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação"
    "palavra_chave" => "EDUCAÇÃO SEXUAL, ADOLESCENTES, EDUCAÇÃO EMOCIONAL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA18_ID5453_16102017095851.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:23"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:10"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "AMANDA FELICIANO DA COSTA"
    "autor_nome_curto" => "AMANDA COSTA"
    "autor_email" => "amanda_bio123@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE (UFCG)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 38217
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 3877
    "inscrito_id" => 5453
    "titulo" => "PIBID BIOLOGIA : SEXUALIDADE E INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NA ESCOLA JOSÉ DE ROLDERICK"
    "resumo" => "A Sexualidade é tratada como tabu, as pessoas geralmente sentem-se inibidas em discutir o assunto. O eixo temático “Sexualidade e Orientação Sexual” está contemplado nos Parâmetros Curriculares Nacionais como tema transversal. Todavia, nem sempre há conhecimento e/ou compreensão do que está acontecendo com seus corpos e sentimentos. O Subprojeto Biologia do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Universidade Federal de Campina Grande - Centro de Educação e Saúde –  Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio José Rolderick de Oliveira, em Nova Floresta - PB), compreendeu a necessidade de trabalhar essa temática, intitulada “Sexualidade Segura”. Esse trabalho objetivou levantar dados sobre a concepção dos estudantes sobre: Sexualidade, Anatomia dos Sistemas Genitais Humanos, DST’s e Métodos Contraceptivos. Foram entrevistados 118 estudantes da 1º e 3º série do ensino médio, a partir de um questionário semiestruturado. Verificou-se que 63% dos entrevistados não apresentaram conhecimento sobre funcionamento do sistema genital, entretanto 84% tem algum conhecimento sobre sexualidade. Ainda, 37% apresentam vida sexual ativa, tendo a maioria iniciado a partir dos 16 anos. Em relação aos métodos contraceptivos, 44% alegaram não ter conhecimento, e 56% conhecem algum método anticoncepcional. Dos entrevistados 19% já utilizaram algum método anticoncepcional, sendo a pílula o método mais citado. Sobre DST’s, 56% afirmaram não ter conhecimento. Desta forma, foram elaboradas atividades que incluíram: estudo da anatomia e fisiologia dos sistemas genitais humanos; palestras sobre concepção e métodos contraceptivos (atividades demonstrativas); roda de conversa sobre as dúvidas mais frequentes embasada pela educação emocional; uso de data show sobre DST’s. Foi notável o envolvimento, empolgação dos discentes e a aquisição dos conhecimentos com as discussões e desenvolvimento das ações. Esse trabalho contribuiu para o esclarecimento de questões básicas sobre Sexualidade Segura, suprindo grande parte do despreparo e dirimiu as dificuldades dos adolescentes quanto às suas dúvidas e ansiedades."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação"
    "palavra_chave" => "EDUCAÇÃO SEXUAL, ADOLESCENTES, EDUCAÇÃO EMOCIONAL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA18_ID5453_16102017095851.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:23"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:10"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "AMANDA FELICIANO DA COSTA"
    "autor_nome_curto" => "AMANDA COSTA"
    "autor_email" => "amanda_bio123@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE (UFCG)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 19 de dezembro de 2017

Resumo

A Sexualidade é tratada como tabu, as pessoas geralmente sentem-se inibidas em discutir o assunto. O eixo temático “Sexualidade e Orientação Sexual” está contemplado nos Parâmetros Curriculares Nacionais como tema transversal. Todavia, nem sempre há conhecimento e/ou compreensão do que está acontecendo com seus corpos e sentimentos. O Subprojeto Biologia do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Universidade Federal de Campina Grande - Centro de Educação e Saúde – Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio José Rolderick de Oliveira, em Nova Floresta - PB), compreendeu a necessidade de trabalhar essa temática, intitulada “Sexualidade Segura”. Esse trabalho objetivou levantar dados sobre a concepção dos estudantes sobre: Sexualidade, Anatomia dos Sistemas Genitais Humanos, DST’s e Métodos Contraceptivos. Foram entrevistados 118 estudantes da 1º e 3º série do ensino médio, a partir de um questionário semiestruturado. Verificou-se que 63% dos entrevistados não apresentaram conhecimento sobre funcionamento do sistema genital, entretanto 84% tem algum conhecimento sobre sexualidade. Ainda, 37% apresentam vida sexual ativa, tendo a maioria iniciado a partir dos 16 anos. Em relação aos métodos contraceptivos, 44% alegaram não ter conhecimento, e 56% conhecem algum método anticoncepcional. Dos entrevistados 19% já utilizaram algum método anticoncepcional, sendo a pílula o método mais citado. Sobre DST’s, 56% afirmaram não ter conhecimento. Desta forma, foram elaboradas atividades que incluíram: estudo da anatomia e fisiologia dos sistemas genitais humanos; palestras sobre concepção e métodos contraceptivos (atividades demonstrativas); roda de conversa sobre as dúvidas mais frequentes embasada pela educação emocional; uso de data show sobre DST’s. Foi notável o envolvimento, empolgação dos discentes e a aquisição dos conhecimentos com as discussões e desenvolvimento das ações. Esse trabalho contribuiu para o esclarecimento de questões básicas sobre Sexualidade Segura, suprindo grande parte do despreparo e dirimiu as dificuldades dos adolescentes quanto às suas dúvidas e ansiedades.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.