Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

GESTÃO AMBIENTAL: UM LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICOSOBRE O ACIDENTE OCORRIDO EM MARIANA / MG

Palavra-chaves: GESTÃO AMBIENTAL, ACIDENTE AMBIENTAL, CASO MARIANA Pôster (PO) GT 14 - Educação Ambiental
"2017-12-19 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 37095
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 3212
    "inscrito_id" => 9502
    "titulo" => "GESTÃO AMBIENTAL: UM LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICOSOBRE  O ACIDENTE OCORRIDO EM MARIANA / MG"
    "resumo" => "Estudos comprovam que as organizações que agem de acordo com as normas impostas pela Gestão Ambiental, adotam variadas ações de apoio a preservação do meio ambiente, por outro lado, ainda há um grande número de empresas que podem ser citadas como aquelas que não se adequaram às normas e geram danos irreparáveis ao meio ambiente. No decorrer dos anos, várias empresas foram se adequando as medidas que regem os princípios da gestão ambiental, pois a grande maioria delas desenvolvem atividades que afetam altamente o meio ambiente e poucas usam de métodos voltados para reduzir o impacto contra a natureza. O presente estudo de caso tem como objetivo apresentar um levantamento bibliográfico sobre o acidente ambiental causado pela  mineradora Samarco, em 2015. A metodologia adotada classifica a pesquisa realizada, quanto aos meios, como bibliográfica e documental. E, com base nas fontes bibliográficas, nos sites de jornais e da empresa Samarco foram coletadas informações fidedignas a respeito do perfil da empresa e sobre o acidente ocorrido, além de levantar as principais ações governamentais e compensatórias desenvolvidas pela Samarco, visando relatar  dados específicos sobre o evento em epígrafe. A pesquisa realizada proporciona uma compreensão sistêmica das causas e impactos do referido desastre. O resultado obtido aponta diretamente para os desafios que estão colocados para as mineradoras brasileiras que, em alguns casos, atuam desconectadas dos princípios da gestão ambiental e que, por vezes, ficam apenas registrados em seus manuais, sites e certificados mas, na prática, acabam sendo esquecidos, ocasionando desastres como o de Mariana/MG."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 14 - Educação Ambiental"
    "palavra_chave" => "GESTÃO AMBIENTAL, ACIDENTE AMBIENTAL, CASO MARIANA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD4_SA14_ID9502_08102017172244.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:22"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:07"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SONIA MARIA DE CARVALHO SILVA"
    "autor_nome_curto" => "SONIA CARVALHO"
    "autor_email" => "soniamariasilv@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE (UFF)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 37095
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 3212
    "inscrito_id" => 9502
    "titulo" => "GESTÃO AMBIENTAL: UM LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICOSOBRE  O ACIDENTE OCORRIDO EM MARIANA / MG"
    "resumo" => "Estudos comprovam que as organizações que agem de acordo com as normas impostas pela Gestão Ambiental, adotam variadas ações de apoio a preservação do meio ambiente, por outro lado, ainda há um grande número de empresas que podem ser citadas como aquelas que não se adequaram às normas e geram danos irreparáveis ao meio ambiente. No decorrer dos anos, várias empresas foram se adequando as medidas que regem os princípios da gestão ambiental, pois a grande maioria delas desenvolvem atividades que afetam altamente o meio ambiente e poucas usam de métodos voltados para reduzir o impacto contra a natureza. O presente estudo de caso tem como objetivo apresentar um levantamento bibliográfico sobre o acidente ambiental causado pela  mineradora Samarco, em 2015. A metodologia adotada classifica a pesquisa realizada, quanto aos meios, como bibliográfica e documental. E, com base nas fontes bibliográficas, nos sites de jornais e da empresa Samarco foram coletadas informações fidedignas a respeito do perfil da empresa e sobre o acidente ocorrido, além de levantar as principais ações governamentais e compensatórias desenvolvidas pela Samarco, visando relatar  dados específicos sobre o evento em epígrafe. A pesquisa realizada proporciona uma compreensão sistêmica das causas e impactos do referido desastre. O resultado obtido aponta diretamente para os desafios que estão colocados para as mineradoras brasileiras que, em alguns casos, atuam desconectadas dos princípios da gestão ambiental e que, por vezes, ficam apenas registrados em seus manuais, sites e certificados mas, na prática, acabam sendo esquecidos, ocasionando desastres como o de Mariana/MG."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 14 - Educação Ambiental"
    "palavra_chave" => "GESTÃO AMBIENTAL, ACIDENTE AMBIENTAL, CASO MARIANA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD4_SA14_ID9502_08102017172244.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:22"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:07"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "SONIA MARIA DE CARVALHO SILVA"
    "autor_nome_curto" => "SONIA CARVALHO"
    "autor_email" => "soniamariasilv@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE (UFF)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-19 23:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 19 de dezembro de 2017

Resumo

Estudos comprovam que as organizações que agem de acordo com as normas impostas pela Gestão Ambiental, adotam variadas ações de apoio a preservação do meio ambiente, por outro lado, ainda há um grande número de empresas que podem ser citadas como aquelas que não se adequaram às normas e geram danos irreparáveis ao meio ambiente. No decorrer dos anos, várias empresas foram se adequando as medidas que regem os princípios da gestão ambiental, pois a grande maioria delas desenvolvem atividades que afetam altamente o meio ambiente e poucas usam de métodos voltados para reduzir o impacto contra a natureza. O presente estudo de caso tem como objetivo apresentar um levantamento bibliográfico sobre o acidente ambiental causado pela mineradora Samarco, em 2015. A metodologia adotada classifica a pesquisa realizada, quanto aos meios, como bibliográfica e documental. E, com base nas fontes bibliográficas, nos sites de jornais e da empresa Samarco foram coletadas informações fidedignas a respeito do perfil da empresa e sobre o acidente ocorrido, além de levantar as principais ações governamentais e compensatórias desenvolvidas pela Samarco, visando relatar dados específicos sobre o evento em epígrafe. A pesquisa realizada proporciona uma compreensão sistêmica das causas e impactos do referido desastre. O resultado obtido aponta diretamente para os desafios que estão colocados para as mineradoras brasileiras que, em alguns casos, atuam desconectadas dos princípios da gestão ambiental e que, por vezes, ficam apenas registrados em seus manuais, sites e certificados mas, na prática, acabam sendo esquecidos, ocasionando desastres como o de Mariana/MG.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.