Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 289
GESTÃO AMBIENTAL: UM LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICOSOBRE O ACIDENTE OCORRIDO EM MARIANA / MG

Palavra-chaves: GESTÃO AMBIENTAL, ACIDENTE AMBIENTAL, CASO MARIANA Pôster (PO) GT 14 - Educação Ambiental Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Estudos comprovam que as organizações que agem de acordo com as normas impostas pela Gestão Ambiental, adotam variadas ações de apoio a preservação do meio ambiente, por outro lado, ainda há um grande número de empresas que podem ser citadas como aquelas que não se adequaram às normas e geram danos irreparáveis ao meio ambiente. No decorrer dos anos, várias empresas foram se adequando as medidas que regem os princípios da gestão ambiental, pois a grande maioria delas desenvolvem atividades que afetam altamente o meio ambiente e poucas usam de métodos voltados para reduzir o impacto contra a natureza. O presente estudo de caso tem como objetivo apresentar um levantamento bibliográfico sobre o acidente ambiental causado pela mineradora Samarco, em 2015. A metodologia adotada classifica a pesquisa realizada, quanto aos meios, como bibliográfica e documental. E, com base nas fontes bibliográficas, nos sites de jornais e da empresa Samarco foram coletadas informações fidedignas a respeito do perfil da empresa e sobre o acidente ocorrido, além de levantar as principais ações governamentais e compensatórias desenvolvidas pela Samarco, visando relatar dados específicos sobre o evento em epígrafe. A pesquisa realizada proporciona uma compreensão sistêmica das causas e impactos do referido desastre. O resultado obtido aponta diretamente para os desafios que estão colocados para as mineradoras brasileiras que, em alguns casos, atuam desconectadas dos princípios da gestão ambiental e que, por vezes, ficam apenas registrados em seus manuais, sites e certificados mas, na prática, acabam sendo esquecidos, ocasionando desastres como o de Mariana/MG.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.