Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 250
EVASÃO NAS TURMAS DA EJA: PERSPECTIVAS E LIMITAÇÕES DO EDUCADOR DIANTE DO ESVAZIAMENTO DA SALA DE AULA

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS, ENSINO, EVASÃO ESCOLAR Comunicação Oral (CO) GT 12 - Educação de Pessoas Jovens e Adultas Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Este trabalho tem origem nas atividades do Projeto PET/Conexões de Saberes Acesso e Permanência de Jovens de Origem Popular à Universidade: Diálogos Universidade-Comunidade e apresenta uma perspectiva acerca da evasão escolar dos educandos da Educação de Jovens e Adultos (EJA). A discussão deste fenômeno utiliza dados de uma pesquisa qualitativa realizada pela equipe no ano de 2016, onde se colocam questões relacionadas à evasão escolar, práticas pedagógicas e limitações que desmotivam esses alunos a manterem-se frequentando as salas de aulas. Utilizamos a aplicação de questionários com professores e gestores para compreender suas perspectivas e posicionamento diante das questões, porém focamos nas respostas para a análise só dos professores pelos limites deste trabalho. A partir da constatação de uma evasão crescente nas salas de aula, apontamos a transformação da escola num espaço agregador das práticas sociais, inspirada na concepção de educação popular para conquistar as condições necessárias de ensino e estímulo para aprendizagem significativa. Percebemos que a evasão é um empecilho para a prática pedagógica do educador, estes que geralmente se sentem fragilizados diante do esvaziamento da sala de aula. São nítidas as dificuldades ocasionadas pela evasão, diversos são os motivos que influenciam os educandos a se distanciar do âmbito escolar, inclusive a prática pedagógica que não contempla suas necessidades. A EJA possui especificidades que merecem atenção por parte dos educadores, mas não só por eles, mas de todos os que fazem parte da escola, de tal maneira que esteja comprometida com a educação de modo geral, pensando no futuro dos educandos, que na sua maioria deseja garantir seu espaço mais ativamente na sociedade.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.