Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

ESTADO DA PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO SOBRE PROFESSOR INICIANTE DE GEOGRAFIA ESCOLAR NO BRASIL

Palavra-chaves: REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA, PESQUISA BIBLIOGRÁFICA, PROFESSOR INICIANTE, CICLO DE VIDA PROFISSIONAL DOCENTE, CICLO DE VIDA PROFISSIONAL DOCENTE Comunicação Oral (CO) GT 01 - Formação de Professores Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Tendo como foco as investigações sobre professor iniciante de Geografia escolar no Brasil, o presente texto faz uma revisão sistemática da literatura, através de um levantamento bibliográfico do tema professor iniciante a partir de pesquisas cientificas realizadas no Brasil, objetivando realizar uma atualização do estado atual do conhecimento dessa temática, tendo em vista a atual tendência dos estudos sobre essa etapa do desenvolvimento profissional do professor. Para isso, foram analisadas pesquisas científicas completas, teses e dissertações, publicadas no banco de teses e dissertações da CAPES, assim como as pesquisas de Papi e Martins (2010) e Corrêa e Portella (2012) que realizaram revisões sistemáticas da literatura semelhantes a essa. Assim, conseguimos abranger um período de 16 (dezesseis) anos, com o levantamento bibliográfico realizado entre os anos de 2000 a 2016. O estudo evidenciou que a maioria das pesquisas sobre professor iniciante analisa o professor, focando sua prática pedagógica, a (re)construção de sua identidade, a socialização profissional e as dificuldades encontradas. Mais especificamente sobre os professores iniciantes de Geografia escolar, evidenciou-se que o campo de produção ainda é muito tímido, pois foram encontrados apenas 03 (três) estudos que enfatizam esse professor na fase de iniciação à docência; essas pesquisas abordam os saberes docente, a (re)contrução da identidade e a influência do trabalho de campo na prática desse professor. No geral, essa revisão sistemática da literatura possibilitou a visão de quase inexistência de ações de formação para esses professores e a necessidade das pesquisas brasileiras se dedicarem mais ao tema, que é pouco explorado, se considerada a relevância dessa etapa profissional.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.