Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

EDUCAÇÃO EMPÁTICA E INCLUSÃO DE PESSOAS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS

Palavra-chaves: INCLUSÃO ESCOLAR, EMPATIA, INTERVENÇÃO Comunicação Oral (CO) GT 11 - Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade
"2017-12-20 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 36621
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 620
    "inscrito_id" => 427
    "titulo" => "EDUCAÇÃO EMPÁTICA E INCLUSÃO DE PESSOAS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS"
    "resumo" => "A inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais é a concretização da garantia do direito constitucional que todos têm, independente de suas necessidades, a uma educação de qualidade. Contudo, para que esse direito seja efetivado de fato, se faz necessário que se construa um ambiente de respeito à diversidade e as diferenças. A empatia é considerada uma habilidade social que não apenas conduz a informação do estado do outro, mas possibilita o indivíduo a sentir com o outro e como o outro. O presente trabalho tem por objetivo promover o desenvolvimento empático infantil, tendo em vista a inclusão de pessoas com necessidades educacionais especiais. Trata-se de uma pesquisa-intervenção realizada com crianças do 4o ano do ensino fundamental de uma escola pública da cidade de Campina Grande-PB, com idades entre oito e  dez anos. Os dados obtidos foram registrados no Diário de Campo e analisados por meio da Análise de Conteúdo de L. Bardin (1977). Para promover a empatia foram utilizadas técnicas que objetivaram a promoção da descentração cognitiva, elaboradas com o auxílio de diferentes recursos, tais como: poesia (“Sofia, a andorinha”), avental de contação de histórias, vídeo “A diferença que nos une” (do mundo Bita) e vivências das diferenças. Os resultados demonstraram que o caminho escolhido para promover o respeito à pessoa com deficiência mostrou-se eficaz, uma vez que a promoção de empatia possibilitou os participantes a sentir com o outro e como o outro, o que, por sua vez, reverberou em mudanças de percepções e comportamentos. Com base nos resultados encontrados, espera-se que o modelo de intervenção construído possa inspirar outras intervenções que deverão fazer parte do projeto político pedagógico de diferentes instituições educacionais para que, de forma contínua, se esteja promovendo a empatia e o respeito às diferenças."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 11 - Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade"
    "palavra_chave" => "INCLUSÃO ESCOLAR, EMPATIA, INTERVENÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA11_ID427_30082017162015.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:21"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:06"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "CAMILLA MARQUES DA SILVA "
    "autor_nome_curto" => "CAMILLA MARQUES"
    "autor_email" => "marquescamilla@hotmail.co"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE (UFCG)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 36621
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 620
    "inscrito_id" => 427
    "titulo" => "EDUCAÇÃO EMPÁTICA E INCLUSÃO DE PESSOAS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS"
    "resumo" => "A inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais é a concretização da garantia do direito constitucional que todos têm, independente de suas necessidades, a uma educação de qualidade. Contudo, para que esse direito seja efetivado de fato, se faz necessário que se construa um ambiente de respeito à diversidade e as diferenças. A empatia é considerada uma habilidade social que não apenas conduz a informação do estado do outro, mas possibilita o indivíduo a sentir com o outro e como o outro. O presente trabalho tem por objetivo promover o desenvolvimento empático infantil, tendo em vista a inclusão de pessoas com necessidades educacionais especiais. Trata-se de uma pesquisa-intervenção realizada com crianças do 4o ano do ensino fundamental de uma escola pública da cidade de Campina Grande-PB, com idades entre oito e  dez anos. Os dados obtidos foram registrados no Diário de Campo e analisados por meio da Análise de Conteúdo de L. Bardin (1977). Para promover a empatia foram utilizadas técnicas que objetivaram a promoção da descentração cognitiva, elaboradas com o auxílio de diferentes recursos, tais como: poesia (“Sofia, a andorinha”), avental de contação de histórias, vídeo “A diferença que nos une” (do mundo Bita) e vivências das diferenças. Os resultados demonstraram que o caminho escolhido para promover o respeito à pessoa com deficiência mostrou-se eficaz, uma vez que a promoção de empatia possibilitou os participantes a sentir com o outro e como o outro, o que, por sua vez, reverberou em mudanças de percepções e comportamentos. Com base nos resultados encontrados, espera-se que o modelo de intervenção construído possa inspirar outras intervenções que deverão fazer parte do projeto político pedagógico de diferentes instituições educacionais para que, de forma contínua, se esteja promovendo a empatia e o respeito às diferenças."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 11 - Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade"
    "palavra_chave" => "INCLUSÃO ESCOLAR, EMPATIA, INTERVENÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA11_ID427_30082017162015.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:21"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:06"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "CAMILLA MARQUES DA SILVA "
    "autor_nome_curto" => "CAMILLA MARQUES"
    "autor_email" => "marquescamilla@hotmail.co"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE (UFCG)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

A inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais é a concretização da garantia do direito constitucional que todos têm, independente de suas necessidades, a uma educação de qualidade. Contudo, para que esse direito seja efetivado de fato, se faz necessário que se construa um ambiente de respeito à diversidade e as diferenças. A empatia é considerada uma habilidade social que não apenas conduz a informação do estado do outro, mas possibilita o indivíduo a sentir com o outro e como o outro. O presente trabalho tem por objetivo promover o desenvolvimento empático infantil, tendo em vista a inclusão de pessoas com necessidades educacionais especiais. Trata-se de uma pesquisa-intervenção realizada com crianças do 4o ano do ensino fundamental de uma escola pública da cidade de Campina Grande-PB, com idades entre oito e dez anos. Os dados obtidos foram registrados no Diário de Campo e analisados por meio da Análise de Conteúdo de L. Bardin (1977). Para promover a empatia foram utilizadas técnicas que objetivaram a promoção da descentração cognitiva, elaboradas com o auxílio de diferentes recursos, tais como: poesia (“Sofia, a andorinha”), avental de contação de histórias, vídeo “A diferença que nos une” (do mundo Bita) e vivências das diferenças. Os resultados demonstraram que o caminho escolhido para promover o respeito à pessoa com deficiência mostrou-se eficaz, uma vez que a promoção de empatia possibilitou os participantes a sentir com o outro e como o outro, o que, por sua vez, reverberou em mudanças de percepções e comportamentos. Com base nos resultados encontrados, espera-se que o modelo de intervenção construído possa inspirar outras intervenções que deverão fazer parte do projeto político pedagógico de diferentes instituições educacionais para que, de forma contínua, se esteja promovendo a empatia e o respeito às diferenças.

Compartilhe:

Visualização do Artigo

Infelizmente, não conseguimos localizar o arquivo para download. Mas não se preocupe, nossa equipe já foi notificada do problema e já estamos trabalhando para a resolução! Tente novamente mais tarde!

Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.