Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

AVALIAÇÃO DO IMPACTO AMBIENTAL CAUSADO PELOS RESÍDUOS SÓLIDOS GERADOS NAS CONSTRUÇÕES DA CIDADE DE CAMPINA GRANDE-PB

Palavra-chaves: RESÍDUO, , CONSTRUÇÃO, IMPACTO AMBIENTAL Comunicação Oral (CO) GT 14 - Educação Ambiental Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Ao decorrer do tempo, a humanidade tem explorado de forma inadequada os recursos naturais, para produzir os mais diversos tipos de materiais. A sustentabilidade na construção civil hoje é um tema de extrema importância, já que a indústria da construção causa um grande impacto ambiental ao longo de toda a sua cadeia produtiva. O gerenciamento indevido dos resíduos sólidos da construção civil pode acarretar inúmeros problemas, por exemplo doenças como a leptospirose proveniente da urina do rato que se reproduzem em meio aos entulhos. Poderiam ser evitadas outras doenças se existissem uma forma correta de deposição do resíduo e consequentemente a diminuição da preocupação da saúde da população por parte dos órgãos públicos. Observa-se que é um problema em cadeia e que é de grande importância que tais indústrias atentem para esse tipo de discussão. O trabalho visualiza a identificação das áreas mais afetadas bem como seus impactos para o meio ambiente e a sociedade. Então, avaliando o impacto ambiental causado pelos resíduos sólidos gerados nas construções da cidade de Campina Grande-PB. O projeto de pesquisa e extensão (Avaliação do impacto ambiental causado pelos resíduos sólidos gerados nas construções da cidade de Campina Grande – PB) é uma pesquisa que se caracteriza como exploratória e explicativa, apresentando uma abordagem qualitativa e quantitativa, gerando conhecimento a respeito dessas ações. A pesquisa foi desenvolvida no âmbito da área urbana do município de Campina Grande, realizando um diagnóstico das áreas afetadas pela deposição irregular de resíduos da construção civil. A metodologia utilizada baseou-se em revisões literárias e visitas de campo. A cidade de Campina Grande – PB vem sofrendo com as deposições irregulares dos RCC’s principalmente em áreas mais afastadas, onde o crescimento civil ainda não se encontra em ritmo acelerado e por essas localidades dispor de terrenos baldios com uma grande extensão territorial torna-se mais propício a geração de problemas. Atualmente três empresas são responsáveis pela coleta e descarte desses resíduos, como a cidade não possui gestão para os resíduos da construção civil a maior parte do entulho é descartada em locais de “bota fora”. O município de Campina Grande dispõe de um total de 71 bairros, que foi realizado em 28 bairros, sendo possível verificar que os resíduos são divididos entre três grupos: construção, demolição e reforma, sendo possível visualizar a falta de informação relacionado ao meio ambiente e constituindo assim focos irregulares. Foram registrados fotograficamente os pontos de disposição desses resíduos nos bairros visitados. Portanto, a seguir será mostrado alguns dos ambientes de disposição, analisados em determinados bairros, como: Bela Vista, José Pinheiro e Palmeira. Os projetos de extensão universitária é a ação que transforma uma forma de educação para a cidadania, que nos envia para um novo padrão de vida. O projeto tem como finalidade contribuir para conscientização sustentável no desenvolvimento sócio-econômico-ambiental, prestando serviços e orientações no setor de construção civil, desta forma oportunizando aos acadêmicos extensionistas, uma convivência ampla com a realidade social e prática profissional, promovendo a reflexão sobre os problemas sociais existentes.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.