Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

GÊNEROS MULTIMODAIS NAS AULAS DE LEITURA: UMA EXPERIÊNCIA NO ENSINO FUNDAMENTAL

Palavra-chaves: LEITURA, ENSINO, GÊNEROS MULTIMODAIS Comunicação Oral (CO) GT10-HIPERTEXTO E MULTIMODALIDADE: NOVAS PRÁTICAS DE LEITURA E ESCRITA
"2017-04-27 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 27378
    "edicao_id" => 57
    "trabalho_id" => 432
    "inscrito_id" => 1334
    "titulo" => "GÊNEROS MULTIMODAIS NAS AULAS DE LEITURA: UMA EXPERIÊNCIA NO ENSINO FUNDAMENTAL"
    "resumo" => "Este artigo tem como objetivo principal apontar caminhos para o trabalho com os gêneros multimodais história em quadrinhos e tirinha nas aulas de leitura, a fim de contribuir para a formação de leitores proficientes, que compreendam o texto a partir de suas múltiplas linguagens. Entendemos que a proposta que construímos a partir desses gêneros favorece também a reflexão sobre o ensino das estratégias metacognitivas, as quais possibilitam ao aluno desenvolver habilidades de leitura e um senso crítico mais aguçado, mediante os diversos temas abordados nos textos. Partimos da hipótese de que as histórias em quadrinhos e as tirinhas são textos narrativos, que conjugam duas linguagens, a verbal e a não verbal, cuja principal função sócio-comunicativa é divertir. No entanto, a tirinha se diferencia das HQs por apresentar a ironia como principal recurso desencadeador do humor. Nesta pesquisa, partimos do pressuposto de que é direito do aluno aprender não apenas a ler, mas aprender como se lê os diversos gêneros que circulam em nossa sociedade. O corpus de nossa pesquisa é constituído por duas histórias em quadrinhos e três tirinhas. Para respaldar cientificamente este trabalho, tomamos como base os seguintes teóricos: Bakhtin (2011), Marcuschi (2010), Solé (1998), Dionisio (2010), Vergueiro (2014) e Ramos (2016). À luz desses estudiosos, apontamos quais recursos icônico-verbais precisam ser resgatados e quais estratégias de leitura precisam ser acionadas a fim de lermos proficientemente esses gêneros. Os resultados apontam que tornar-se proficiente na linguagem multimodal dos quadrinhos e nos recursos que os autores dos referidos gêneros utilizam para construir suas narrativas é essencial para a compreensão do texto e para o sucesso de seu uso em sala de aula."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT10-HIPERTEXTO E MULTIMODALIDADE: NOVAS PRÁTICAS DE LEITURA E ESCRITA"
    "palavra_chave" => "LEITURA, ENSINO, GÊNEROS MULTIMODAIS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV066_MD1_SA10_ID1334_16032017203928.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:13"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:56:12"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MARIA GENILDA SANTOS DE SOUZA"
    "autor_nome_curto" => "MARIA GENILDA"
    "autor_email" => "mariagenildas@yahoo.com"
    "autor_ies" => "UFPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-sinalge"
    "edicao_nome" => "Anais IV SINALGE"
    "edicao_evento" => "IV Simpósio Nacional de Linguagens e Gêneros Textuais"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/sinalge/2017"
    "edicao_logo" => "5e4d8586dda3e_19022020155918.png"
    "edicao_capa" => "5f1880a141ece_22072020150833.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-04-27 00:00:00"
    "publicacao_id" => 35
    "publicacao_nome" => "Anais SINALGE"
    "publicacao_codigo" => "2527-0028"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 27378
    "edicao_id" => 57
    "trabalho_id" => 432
    "inscrito_id" => 1334
    "titulo" => "GÊNEROS MULTIMODAIS NAS AULAS DE LEITURA: UMA EXPERIÊNCIA NO ENSINO FUNDAMENTAL"
    "resumo" => "Este artigo tem como objetivo principal apontar caminhos para o trabalho com os gêneros multimodais história em quadrinhos e tirinha nas aulas de leitura, a fim de contribuir para a formação de leitores proficientes, que compreendam o texto a partir de suas múltiplas linguagens. Entendemos que a proposta que construímos a partir desses gêneros favorece também a reflexão sobre o ensino das estratégias metacognitivas, as quais possibilitam ao aluno desenvolver habilidades de leitura e um senso crítico mais aguçado, mediante os diversos temas abordados nos textos. Partimos da hipótese de que as histórias em quadrinhos e as tirinhas são textos narrativos, que conjugam duas linguagens, a verbal e a não verbal, cuja principal função sócio-comunicativa é divertir. No entanto, a tirinha se diferencia das HQs por apresentar a ironia como principal recurso desencadeador do humor. Nesta pesquisa, partimos do pressuposto de que é direito do aluno aprender não apenas a ler, mas aprender como se lê os diversos gêneros que circulam em nossa sociedade. O corpus de nossa pesquisa é constituído por duas histórias em quadrinhos e três tirinhas. Para respaldar cientificamente este trabalho, tomamos como base os seguintes teóricos: Bakhtin (2011), Marcuschi (2010), Solé (1998), Dionisio (2010), Vergueiro (2014) e Ramos (2016). À luz desses estudiosos, apontamos quais recursos icônico-verbais precisam ser resgatados e quais estratégias de leitura precisam ser acionadas a fim de lermos proficientemente esses gêneros. Os resultados apontam que tornar-se proficiente na linguagem multimodal dos quadrinhos e nos recursos que os autores dos referidos gêneros utilizam para construir suas narrativas é essencial para a compreensão do texto e para o sucesso de seu uso em sala de aula."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT10-HIPERTEXTO E MULTIMODALIDADE: NOVAS PRÁTICAS DE LEITURA E ESCRITA"
    "palavra_chave" => "LEITURA, ENSINO, GÊNEROS MULTIMODAIS"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV066_MD1_SA10_ID1334_16032017203928.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:13"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:56:12"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "MARIA GENILDA SANTOS DE SOUZA"
    "autor_nome_curto" => "MARIA GENILDA"
    "autor_email" => "mariagenildas@yahoo.com"
    "autor_ies" => "UFPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-sinalge"
    "edicao_nome" => "Anais IV SINALGE"
    "edicao_evento" => "IV Simpósio Nacional de Linguagens e Gêneros Textuais"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/sinalge/2017"
    "edicao_logo" => "5e4d8586dda3e_19022020155918.png"
    "edicao_capa" => "5f1880a141ece_22072020150833.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-04-27 00:00:00"
    "publicacao_id" => 35
    "publicacao_nome" => "Anais SINALGE"
    "publicacao_codigo" => "2527-0028"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

Este artigo tem como objetivo principal apontar caminhos para o trabalho com os gêneros multimodais história em quadrinhos e tirinha nas aulas de leitura, a fim de contribuir para a formação de leitores proficientes, que compreendam o texto a partir de suas múltiplas linguagens. Entendemos que a proposta que construímos a partir desses gêneros favorece também a reflexão sobre o ensino das estratégias metacognitivas, as quais possibilitam ao aluno desenvolver habilidades de leitura e um senso crítico mais aguçado, mediante os diversos temas abordados nos textos. Partimos da hipótese de que as histórias em quadrinhos e as tirinhas são textos narrativos, que conjugam duas linguagens, a verbal e a não verbal, cuja principal função sócio-comunicativa é divertir. No entanto, a tirinha se diferencia das HQs por apresentar a ironia como principal recurso desencadeador do humor. Nesta pesquisa, partimos do pressuposto de que é direito do aluno aprender não apenas a ler, mas aprender como se lê os diversos gêneros que circulam em nossa sociedade. O corpus de nossa pesquisa é constituído por duas histórias em quadrinhos e três tirinhas. Para respaldar cientificamente este trabalho, tomamos como base os seguintes teóricos: Bakhtin (2011), Marcuschi (2010), Solé (1998), Dionisio (2010), Vergueiro (2014) e Ramos (2016). À luz desses estudiosos, apontamos quais recursos icônico-verbais precisam ser resgatados e quais estratégias de leitura precisam ser acionadas a fim de lermos proficientemente esses gêneros. Os resultados apontam que tornar-se proficiente na linguagem multimodal dos quadrinhos e nos recursos que os autores dos referidos gêneros utilizam para construir suas narrativas é essencial para a compreensão do texto e para o sucesso de seu uso em sala de aula.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.