Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

Visualizações: 219
A LITERATURA INFANTIL PRODUZINDO SABERES EM CIÊNCIAS: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Palavra-chaves: LITERATURA INFANTIL, ENSINO DE CIÊNCIAS, ALFABETIZAÇÃO Comunicação Oral (CO) GT04-GÊNEROS DA LITERATURA EM SALA DE AULA Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

O presente estudo consiste em um relato de experiência da aplicação da literatura infantil como forma de promover a aprendizagem das ciências nas séries iniciais. A atividade foi aplicada em uma escola pública municipal de Esperança-PB, em uma turma de 3° ano, com 36 alunos de ambos os gêneros. A promoção da leitura é um dos caminhos para avançar sobre o ensino da ciência pautado na mera transmissão de conteúdos, oferecendo as crianças um entendimento adequado sobre ciência, tecnologia e a sociedade. Promovendo uma alfabetização científica e a formação de valores éticos e morais indispensáveis para a vida em sociedade. Procuramos identificar, através do estudo e interpretação de diálogos e desenhos espontâneos das crianças, noções simples sobre o habitat natural e as relações entre os animais. A estratégia metodológica partiu da seleção de um livro infantil, de acordo com critérios pré-determinados de conteúdos, texto e imagens, e a elaboração de atividades que oportunize as crianças exercer suas habilidades e desenvolver sua capacidade crítica e reflexiva. Os resultados obtidos demonstram como as imagens, os personagens e os locais onde acontecem a história auxilia as crianças a compreenderem e associarem naturalmente os conteúdos de Ciências, contribuindo com a alfabetização científica, e aumentando o interesse e a motivação das crianças pela ciência. O uso dos livros em uma atividade de sala de aula, permite a articulação de habilidades necessárias a alfabetização e o trabalho conceitual de ciências. É bastante proveitosa a relação literatura infantil e ensino de ciências, mas merecendo um cuidado para que as informações transmitidas não estejam distorcidas, levando os alunos a uma compreensão errônea sobre os fenômenos da natureza.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.