Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

Visualizações: 470
O CONTO “A MOÇA TECELÔ: EXPLORANDO GÊNEROS TEXTUAIS

Palavra-chaves: GÊNEROS TEXTUAIS, FORMAÇÃO CONTINUADA, LEITURA, TEXTO Comunicação Oral (CO) GT04-GÊNEROS DA LITERATURA EM SALA DE AULA Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

Tendo em vista que a educação está em movimento constante, o professor precisa propiciar atividades que promovam a aprendizagem a partir da exploração de gêneros textuais e evidentemente, o uso de texto é convidativo para que haja aprendizagem significativa. Isso ocorrerá mediante as ações docentes que devem ser correspondentes as necessidades dos alunos. Nessa perspectiva, essa pesquisa será desenvolvida tendo como ponto de partida o conto “A Moça Tecelã”, de Marina Colassanti, e as ações docentes partindo dos gêneros textuais que podem ser explorados nesse texto. A questão problema que nos motiva a desvendar essa pesquisa se porta: De que maneira o professor está preparado para trabalhar os gêneros textuais que um texto oferece e de que forma essas ações estimulam o aluno a ser leitor? O objetivo desse artigo visa oportunizar as possibilidades que são oferecidas no texto para trabalhar com gêneros textuais e, ainda, destacar a importância que há em o professor permitir-se em estar em constante formação continuada tendo a investigação como suporte para melhorar suas ações pedagógicas e o estímulo ao hábito de ler, uma vez que as formas como o trabalho com gêneros textuais são desenvolvidas podem estimular consideravelmente na formação de leitores. Participaram como sujeitos a professora de língua Portuguesa e 26 alunos do 6º ano ensino fundamental II de uma escola da rede particular de ensino da cidade de Campina Grande na Paraíba. Nesse sentido, como metodologia, desenvolvemos observações de campo in lócus da pesquisa com a pretensão de saber de que maneira a professora explora os gêneros textuais que são possibilitados no texto, realização de anotações diárias sobre tosa observação e leituras teóricas que fortalecessem as informações levantadas. Temos como parâmetros as contribuições de Freire ,Ocem, dentre outros. A pesquisa revelou que a medida que o professor explora as idéias do texto e parte dele para trabalhar com gêneros textuais o aluno sente maior prazer em desenvolver leituras de textos diversos

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.