Artigo Anais VII FIPED

ANAIS de Evento

ISSN: 2316-1086

Visualizações: 248
ENTRE SABERES E FAZERES: AS NARRATIVAS DE DONA PRETINHA

Palavra-chaves: ARTE DE ENSINAR, PRÁTICAS EDUCATIVAS, FORMAÇÃO HUMANA E PROFISSIONAL Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Didática, Currículo, Avaliação e Práticas Escolares Publicado em 11 de novembro de 2015

Resumo

Este artigo expõe experiências recorrentes na trajetória de uma professora da rede estadual de ensino de Apodi/Rio Grande do Norte. Como o objeto central da pesquisa é a análise da prática pedagógica definimos como objetivo conhecer quais as estratégias didáticas praticadas, em sala de aula, contribuíam para a organização do processo formativo dos alunos. É uma pesquisa exploratória, de cunho qualitativo. A pesquisa bibliográfica respaldou teoricamente este trabalho. A abordagem biográfica representou o caminho para a (re)construção de memórias acerca dos aprendizados adquiridos e ensinamentos deixados durante o exercício da profissão professor. O sujeito da pesquisa foi a senhora Francisca Ferrei da Costa Maia, conhecida como Dona Pretinha de Boré, docente aposentada da rede pública de Apodi/RN. O instrumento de pesquisa utilizado para a construção dos dados foi a entrevista semiestruturada que focalizou questões sobre a trajetória de vida, formação e prática pedagógica da docente. Observamos que as narrativas de Dona Pretinha estão carregadas de significados de vida e saberes que manifestam a construção da identidade de uma educadora que narra de sua pertença, de seu ethos e de sua paixão pela arte de ensinar, permitindo a ressignificação dos saberes e fazeres em sala de aula. Concluímos, por meio do saber ser e fazer da professora, que os saberes acadêmicos dialogam com os saberes da prática ao resgatarem a construção dos plurais territórios de aprendizagens. As narrativas de Dona Pretinha evocam o ser e o fazer como a arte de aprender e de ensinar na contemporaneidade.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.