Artigo Anais II CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

OFICINA DE LITERATURA NORTE-AMERICANA NAS AULAS DE LÍNGUA INGLESA: “THE BLACK CAT” NO ENSINO MÉDIO

Palavra-chaves: PIBID, ENSINO DE LÍNGUA INGLESA, EDGAR ALLAN POE, LITERATURA GÓTICA Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission Ensino de línguas estrangeiras
"2015-10-14 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 16617
    "edicao_id" => 38
    "trabalho_id" => 1569
    "inscrito_id" => 703
    "titulo" => "OFICINA DE LITERATURA NORTE-AMERICANA NAS AULAS DE LÍNGUA INGLESA: “THE BLACK CAT” NO ENSINO MÉDIO"
    "resumo" => "O presente artigo é um relato de experiência do uso da literatura nas aulas de língua inglesa. Atividade a qual foi aplicada em uma turma do 2º ano do Ensino Médio, na Escola Estadual do Ensino Fundamental e Médio Professor José Soares de Carvalho, na cidade de Guarabira – PB, durante uma atividade do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação a Docência (PIBID), subprojeto de Língua Inglesa, do Campus III da UEPB, e objetiva analisar as crenças destes alunos acerca da importância de se estudar a língua inglesa; as concepções destes sobre o que é literatura; bem como os hábitos de leitura literária destes jovens estudantes, além de propor o uso da literatura enquanto ferramenta propiciadora de seres crítico-reflexivos. O ensino de literatura nas aulas de língua inglesa (LI) ainda é novidade para a maioria dos professores da educação básica. Muitas são as prováveis razões para isso: falta de interesse por parte dos professores de LI, a falta do hábito de leitura por parte destes profissionais, a falta de crédito atribuída à literatura, o trabalho que tal atividade pode vir a trazer, o “medo” de se inovar no que se refere à metodologia das aulas, etc. Ainda é possível se perceber um estranhamento tanto por parte dos profissionais da área, quanto por parte dos próprios alunos, quando sugeridos quanto ao uso da literatura nas aulas de língua inglesa, visto que o “inovador” causa estranhamento ao já tido como “convencional”, ou seja, as aulas de LI já possuem o estereótipo de uma aula onde os alunos deverão aprender um conjunto de regras para passar os verbos para algum outro tempo verbal, ou passar as frases para as formas negativa, interrogativa, abreviada, etc., de forma desconecta de contexto, etc. Esperamos que esta prática de ensino, a qual possui a literatura enquanto foco principal em uma aula de língua inglesa, venha a contribuir com futuros estudos e atividades semelhantes propiciando-se deste modo, não apenas uma “inovação” às aulas de LI, mas que também, venha-se a despertar o hábito de leitura no alunado."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Ensino de línguas estrangeiras"
    "palavra_chave" => "PIBID, ENSINO DE LÍNGUA INGLESA, EDGAR ALLAN POE, LITERATURA GÓTICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV045_MD1_SA16_ID703_07092015173450.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:02"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:15:06"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "EWERTON FELIX DA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "TOM"
    "autor_email" => "ewertonfelix_gba@hotmail."
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-ii-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais II CONEDU"
    "edicao_evento" => "II Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2015"
    "edicao_logo" => "5e4a05cfac134_17022020001735.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1848ba64e27_22072020111002.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-10-14 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 16617
    "edicao_id" => 38
    "trabalho_id" => 1569
    "inscrito_id" => 703
    "titulo" => "OFICINA DE LITERATURA NORTE-AMERICANA NAS AULAS DE LÍNGUA INGLESA: “THE BLACK CAT” NO ENSINO MÉDIO"
    "resumo" => "O presente artigo é um relato de experiência do uso da literatura nas aulas de língua inglesa. Atividade a qual foi aplicada em uma turma do 2º ano do Ensino Médio, na Escola Estadual do Ensino Fundamental e Médio Professor José Soares de Carvalho, na cidade de Guarabira – PB, durante uma atividade do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação a Docência (PIBID), subprojeto de Língua Inglesa, do Campus III da UEPB, e objetiva analisar as crenças destes alunos acerca da importância de se estudar a língua inglesa; as concepções destes sobre o que é literatura; bem como os hábitos de leitura literária destes jovens estudantes, além de propor o uso da literatura enquanto ferramenta propiciadora de seres crítico-reflexivos. O ensino de literatura nas aulas de língua inglesa (LI) ainda é novidade para a maioria dos professores da educação básica. Muitas são as prováveis razões para isso: falta de interesse por parte dos professores de LI, a falta do hábito de leitura por parte destes profissionais, a falta de crédito atribuída à literatura, o trabalho que tal atividade pode vir a trazer, o “medo” de se inovar no que se refere à metodologia das aulas, etc. Ainda é possível se perceber um estranhamento tanto por parte dos profissionais da área, quanto por parte dos próprios alunos, quando sugeridos quanto ao uso da literatura nas aulas de língua inglesa, visto que o “inovador” causa estranhamento ao já tido como “convencional”, ou seja, as aulas de LI já possuem o estereótipo de uma aula onde os alunos deverão aprender um conjunto de regras para passar os verbos para algum outro tempo verbal, ou passar as frases para as formas negativa, interrogativa, abreviada, etc., de forma desconecta de contexto, etc. Esperamos que esta prática de ensino, a qual possui a literatura enquanto foco principal em uma aula de língua inglesa, venha a contribuir com futuros estudos e atividades semelhantes propiciando-se deste modo, não apenas uma “inovação” às aulas de LI, mas que também, venha-se a despertar o hábito de leitura no alunado."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO) / Oral Papers Submission"
    "area_tematica" => "Ensino de línguas estrangeiras"
    "palavra_chave" => "PIBID, ENSINO DE LÍNGUA INGLESA, EDGAR ALLAN POE, LITERATURA GÓTICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV045_MD1_SA16_ID703_07092015173450.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:02"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:15:06"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "EWERTON FELIX DA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "TOM"
    "autor_email" => "ewertonfelix_gba@hotmail."
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-ii-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais II CONEDU"
    "edicao_evento" => "II Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2015
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2015"
    "edicao_logo" => "5e4a05cfac134_17022020001735.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1848ba64e27_22072020111002.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2015-10-14 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 14 de outubro de 2015

Resumo

O presente artigo é um relato de experiência do uso da literatura nas aulas de língua inglesa. Atividade a qual foi aplicada em uma turma do 2º ano do Ensino Médio, na Escola Estadual do Ensino Fundamental e Médio Professor José Soares de Carvalho, na cidade de Guarabira – PB, durante uma atividade do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação a Docência (PIBID), subprojeto de Língua Inglesa, do Campus III da UEPB, e objetiva analisar as crenças destes alunos acerca da importância de se estudar a língua inglesa; as concepções destes sobre o que é literatura; bem como os hábitos de leitura literária destes jovens estudantes, além de propor o uso da literatura enquanto ferramenta propiciadora de seres crítico-reflexivos. O ensino de literatura nas aulas de língua inglesa (LI) ainda é novidade para a maioria dos professores da educação básica. Muitas são as prováveis razões para isso: falta de interesse por parte dos professores de LI, a falta do hábito de leitura por parte destes profissionais, a falta de crédito atribuída à literatura, o trabalho que tal atividade pode vir a trazer, o “medo” de se inovar no que se refere à metodologia das aulas, etc. Ainda é possível se perceber um estranhamento tanto por parte dos profissionais da área, quanto por parte dos próprios alunos, quando sugeridos quanto ao uso da literatura nas aulas de língua inglesa, visto que o “inovador” causa estranhamento ao já tido como “convencional”, ou seja, as aulas de LI já possuem o estereótipo de uma aula onde os alunos deverão aprender um conjunto de regras para passar os verbos para algum outro tempo verbal, ou passar as frases para as formas negativa, interrogativa, abreviada, etc., de forma desconecta de contexto, etc. Esperamos que esta prática de ensino, a qual possui a literatura enquanto foco principal em uma aula de língua inglesa, venha a contribuir com futuros estudos e atividades semelhantes propiciando-se deste modo, não apenas uma “inovação” às aulas de LI, mas que também, venha-se a despertar o hábito de leitura no alunado.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.