Artigo Anais V ENID & III ENFOPROF / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

Visualizações: 279
OS MUSEUS ENQUANTO ESPAÇOS DE MEMÓRIA: A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL NO ENSINO DE HISTÓRIA LOCAL.

Palavra-chaves: MUSEU, ENSINO DE HISTÓRIA, IDENTIDADE Comunicação Oral (CO) Ensino de História e formação docente Publicado em 21 de agosto de 2015

Resumo

Os museus são uma das instituições mais antiga da humanidade, local que possui sua historicidade que constroem identidade a partir do contexto em que estão inseridos. Este artigo trata da construção da memória e identidade dos campinenses geridas, através dos seus contatos com os espaços museais em Campina Grande. O nosso objetivo e de analisar as instituições museológicas enquanto locais que podem respaldar o ensino de história local. Neste sentido chamamos atenção para as ações educativas desenvolvidas, a partir da relação entre o museu e a escola com ênfase as iniciativas pedagógicas que contemplam os conteúdos, a qual reforce a identidade dos campinenses a partir da história local, tendo em vista sua importância, na preservação e potencialização dos elementos culturais no contexto citadino. Em nossa pesquisa buscamos identificar como os espaços museológicos se caracterizam como construtores da identidade local. Como referencial teórico, utilizamos de Hall (2006), que discute o conceito de identidade. Além dos estudos bibliográficos de Oriá (2004), Almeida e Vasconcellos (2004), e Suano (1986). Nossa metodologia parte de pesquisas de campo e do respaldo da internet, através de blogs e sites, que discutem com a temática patrimonial, além disso, usamos de um referencial bibliográfico, a qual enriquece o nosso texto.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.