Artigo Anais XV EBRAPEM

ANAIS de Evento

ISSN: 2237-8444

Visualizações: 158
O professor de Ensino Básico na escola pública e a utilização da Matemática Crítica na sala de aula: Vantagens e tensões

Resumo

Na Educação Matemática encontramos diversas pesquisas e textos sobre o tema Educação Matemática Crítica. O objetivo desse projeto é buscar mais informações a respeito da sala de aula no ensino público e o uso da Matemática Crítica. Para tal, pretendo acompanhar um(a) professor(a) do Ensino Básico que tenha interesse em trabalhar ou já trabalha em sala de aula com a Matemática Crítica. Juntamente com ele(a), procurar materiais/currículos/projetos que ele(a) possa utilizar na sala de aula. Meu trabalho seria de apoio, ajudando-o(a) a encontrar esse material e usá-lo na sala (de acordo com que ele(a) estivesse lecionando, e com o tempo, por exemplo). A partir disto, observar a resposta do aluno e do projeto e levantar a questão das tensões que aparecem na sala de aula quando um(a) professor(a) tenta usar esses métodos, devido à falta de tempo, falta de apoio (de pais, dirigentes, etc.). Neste caso, algumas perguntas para a pesquisa poderiam ser: 1) Quais os principais obstáculos (tensões) que aparecem quando um(a) professor(a) tenta usar novos métodos? 2) E dentre essas "tensões", quais seriam mais vinculadas ao material e com a pedagogia/didática do(a) professor(a)? Paralelamente, pretendo observar uma sala na universidade que utiliza a Matemática Crítica, e, futuramente, a mesma observação em outro país, para uma comparação e uma visão geral dessa tendência em Educação Matemática. Analisar e comparar esses três ambientes da Matemática Crítica seria essencial para observar como essa tendência se comporta em cada um destes ambientes.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.