Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 145
POLÍTICA AMBIENTAL E PRÁTICA DOCENTE: ESTIMULANDO O COMPORTAMENTO SUSTENTÁVEL ATRAVÉS DE OFICINAS DE RECICLAGEM E REUTILIZAÇÃO DE PAPEL

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO AMBIENTAL, POLÍTICAS EDUCACIONAIS, SUSTENTABILIDADE Pôster (PO) EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Resumo

A intensa transformação ambiental que a sociedade contemporânea vem impondo faz com que se estabeleça um conflito entre o comportamento do presente e as necessidades e possibilidades do futuro. Nesse sentido, os documentos legais colocam a Educação Ambiental (EA) como uma das áreas de conhecimento responsáveis de transmitir o enfoque holístico e a prática cidadã para a realização da transformação social. No contexto do Ensino Básico a EA deve desenvolver a formação integral dos estudantes, suas relações interpessoais e suas atitudes perante a sociedade. Esta pesquisa objetivou desenvolver ações educativas de sensibilização ambiental através de oficinas de reciclagem e reutilização de papel, trabalhando na teoria e na prática o conceito dos 5R’s: Reduzir, Reutilizar, Reciclar, Repensar e Recusar (Almanaque Brasil Socioambiental, 2008). A atividade proposta foi realizada em três encontros e seis aulas, o público alvo foram os estudantes do 8º ano do Ensino Fundamental II de uma Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio, localizada no bairro de Mangabeira, João Pessoa, PB. Trata-se de uma pesquisa participativa com abordagem empírica qualitativa, a qual utilizou como instrumento de coleta de dados a pesquisa bibliográfica e documental, aplicação de técnicas lúdicas e a observação direta dos fenômenos investigados. Utilizou-se como procedimento pedagógico a aplicação de uma aula expositiva dialogada e de uma oficina de reciclagem e reutilização de papel. Nesta perspectiva, buscou-se destacar as práticas educativas para a Educação Ambiental no contexto do Ensino Básico, além de promover ações de reutilização e reciclagem de resíduos sólidos derivados de papel. Durante toda a oficina os estudantes reciclaram 30 folhas de papel usado, transformando-as em dez folhas de papel reciclado colorido e, a partir destes, produziram objetos de uso cotidiano como: caixas estilizadas, porta-lápis e blocos de nota. Ressalta-se que cada estudante confeccionou individualmente o seu objeto, proporcionando o desenvolvimento das habilidades manuais e criativas de cada um dos estudantes. Todavia, como poucos estudantes participaram de todas as etapas da prática, apenas estes atingiram os objetivos do projeto por completo, enquanto que os outros apresentaram algumas lacunas teórica-atitudinais. Os estudantes participantes demonstraram sensibilidade diante da problemática do lixo que produzimos e da enorme quantidade de recursos naturais que consumimos, contextualizando essas informações com suas realidades. Com o desenvolvimento da oficina, exercitaram a capacidade de reproduzi-la, não só no que diz respeito à reciclagem do papel como também na reutilização de materiais descartados, podendo com isso tornarem-se agentes multiplicadores dessas práticas ecológicas.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.