Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

DESBRAVANDO HORIZONTES: O INCENTIVO DAS AULAS DE CAMPO NO ENSINO DE HISTÓRIA.

Palavra-chaves: ESTUDO DO MEIO, ENSINO-APRENDIZAGEM, PIBID Pôster (PO) Ensino de História e formação docente
"2014-11-22 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 9745
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 342
    "inscrito_id" => 391
    "titulo" => "DESBRAVANDO HORIZONTES: O INCENTIVO DAS AULAS DE CAMPO NO ENSINO DE HISTÓRIA."
    "resumo" => "O presente artigo tem como proposta discutir a importância do estudo do meio para o ensino de história e às diversas interações do homem como espaço. É necessário no processo educativo, fazer uma leitura mais dinâmica e diferenciada do mundo vivido e percebido. Nesse contexto, a aula de campo na disciplina história é essencial. Esta proposta foi desenvolvido pelos alunos do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência de História) na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Mons. Emiliano de Cristo sobre tendo a “história da Paraíba” como elemento para esta pesquisa. Neste sentido a leitura de mundo transcende a leitura de paisagens como fotografias estáticas, uma paisagem em que o aluno se percebe enquanto sujeito atuante e passível de rescrever seu mundo. Este trabalho discute as contribuições das aulas de campo, que se na cidade de João Pessoa, a mesma tinha como objetivo fazer com que os discentes tivessem a oportunidade de ampliar conhecimento, até por que neste contexto, a aula de campo na disciplina história é essencial, através dela é possível identificar de fato o que é estudado em sala de aula, possibilitando dessa maneira a percepção do aluno, o mesmo terá a oportunidade de ver e transpassar o ambiente escolar. Sendo assim, é possível “viver a história” transpassando a barreira do imaterial e tornando-o material. Logo, o estudo do meio propaga dinamismo e um conhecimento mais abrangente dentro do ensino de história fomentando uma percepção mais homogênea da. “História da Paraíba”, sendo assim, pensa o meio como recurso pedagógico lúdico interativo proporciona vários desdobramentos que potencializam a disciplina de História. Assim como também faz se necessário neste trabalho versa sobre as dificuldades encontradas por um aluno cadeirante no decorrer da aula de campo e sua inclusão no estudo do meio, proporcionando a este a oportunidade de inclusão em uma atividade dessa natureza. Assim, saber e compreende essa ferramenta pedagógica, contribuindo dessa maneira para o processo de ensino aprendizagem na disciplina história."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Ensino de História  e formação docente"
    "palavra_chave" => "ESTUDO DO MEIO, ENSINO-APRENDIZAGEM, PIBID"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_24_10_2014_02_03_56_idinscrito_391_02434e08a0b1819113d87ce16cc658f9.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ALINE FERREIRA DE MACEDO SILVA"
    "autor_nome_curto" => "ALINE MACEDO"
    "autor_email" => "alinefer_cd@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-22 00:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 9745
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 342
    "inscrito_id" => 391
    "titulo" => "DESBRAVANDO HORIZONTES: O INCENTIVO DAS AULAS DE CAMPO NO ENSINO DE HISTÓRIA."
    "resumo" => "O presente artigo tem como proposta discutir a importância do estudo do meio para o ensino de história e às diversas interações do homem como espaço. É necessário no processo educativo, fazer uma leitura mais dinâmica e diferenciada do mundo vivido e percebido. Nesse contexto, a aula de campo na disciplina história é essencial. Esta proposta foi desenvolvido pelos alunos do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência de História) na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Mons. Emiliano de Cristo sobre tendo a “história da Paraíba” como elemento para esta pesquisa. Neste sentido a leitura de mundo transcende a leitura de paisagens como fotografias estáticas, uma paisagem em que o aluno se percebe enquanto sujeito atuante e passível de rescrever seu mundo. Este trabalho discute as contribuições das aulas de campo, que se na cidade de João Pessoa, a mesma tinha como objetivo fazer com que os discentes tivessem a oportunidade de ampliar conhecimento, até por que neste contexto, a aula de campo na disciplina história é essencial, através dela é possível identificar de fato o que é estudado em sala de aula, possibilitando dessa maneira a percepção do aluno, o mesmo terá a oportunidade de ver e transpassar o ambiente escolar. Sendo assim, é possível “viver a história” transpassando a barreira do imaterial e tornando-o material. Logo, o estudo do meio propaga dinamismo e um conhecimento mais abrangente dentro do ensino de história fomentando uma percepção mais homogênea da. “História da Paraíba”, sendo assim, pensa o meio como recurso pedagógico lúdico interativo proporciona vários desdobramentos que potencializam a disciplina de História. Assim como também faz se necessário neste trabalho versa sobre as dificuldades encontradas por um aluno cadeirante no decorrer da aula de campo e sua inclusão no estudo do meio, proporcionando a este a oportunidade de inclusão em uma atividade dessa natureza. Assim, saber e compreende essa ferramenta pedagógica, contribuindo dessa maneira para o processo de ensino aprendizagem na disciplina história."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Ensino de História  e formação docente"
    "palavra_chave" => "ESTUDO DO MEIO, ENSINO-APRENDIZAGEM, PIBID"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_24_10_2014_02_03_56_idinscrito_391_02434e08a0b1819113d87ce16cc658f9.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ALINE FERREIRA DE MACEDO SILVA"
    "autor_nome_curto" => "ALINE MACEDO"
    "autor_email" => "alinefer_cd@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-22 00:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

O presente artigo tem como proposta discutir a importância do estudo do meio para o ensino de história e às diversas interações do homem como espaço. É necessário no processo educativo, fazer uma leitura mais dinâmica e diferenciada do mundo vivido e percebido. Nesse contexto, a aula de campo na disciplina história é essencial. Esta proposta foi desenvolvido pelos alunos do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência de História) na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Mons. Emiliano de Cristo sobre tendo a “história da Paraíba” como elemento para esta pesquisa. Neste sentido a leitura de mundo transcende a leitura de paisagens como fotografias estáticas, uma paisagem em que o aluno se percebe enquanto sujeito atuante e passível de rescrever seu mundo. Este trabalho discute as contribuições das aulas de campo, que se na cidade de João Pessoa, a mesma tinha como objetivo fazer com que os discentes tivessem a oportunidade de ampliar conhecimento, até por que neste contexto, a aula de campo na disciplina história é essencial, através dela é possível identificar de fato o que é estudado em sala de aula, possibilitando dessa maneira a percepção do aluno, o mesmo terá a oportunidade de ver e transpassar o ambiente escolar. Sendo assim, é possível “viver a história” transpassando a barreira do imaterial e tornando-o material. Logo, o estudo do meio propaga dinamismo e um conhecimento mais abrangente dentro do ensino de história fomentando uma percepção mais homogênea da. “História da Paraíba”, sendo assim, pensa o meio como recurso pedagógico lúdico interativo proporciona vários desdobramentos que potencializam a disciplina de História. Assim como também faz se necessário neste trabalho versa sobre as dificuldades encontradas por um aluno cadeirante no decorrer da aula de campo e sua inclusão no estudo do meio, proporcionando a este a oportunidade de inclusão em uma atividade dessa natureza. Assim, saber e compreende essa ferramenta pedagógica, contribuindo dessa maneira para o processo de ensino aprendizagem na disciplina história.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.