Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 232
PESQUISA BIOGRÁFICA: CAMINHOS PARA REFLETIR A FORMAÇÃO E A ATUAÇÃO DE PROFESSORES DE MÚSICA

Palavra-chaves: PESQUISA BIOGRÁFICA, NARRATIVAS, FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MÚSICA Pôster (PO) FORMAÇÃO DE PROFESSORES Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Neste estudo procuro mostrar os aspectos teóricos da pesquisa biográfica, buscando verificar o estado da arte sobre a temática na Educação Musical, principalmente na formação e atuação de professores de música. O ensino de música torna-se componente obrigatório a partir da Lei 11.769/2008 (BRASIL, 2008) na educação básica, neste novo cenário, nos últimos dez anos, se torna emergente a pesquisa sobre a formação e atuação dos professores de música. Para esta primeira fase de coleta de dados sobre esse método na Educação Musical, procurou-se delimitar, neste momento, as publicações contidas na revista da Associação Brasileira de Educação Musical (ABEM) de 2004 a 2014. Os primeiros resultados encontrados são pesquisas referentes a formação de professores de música (BELLOCHIO, 2003; DEL BEN, 2003; DINIZ, JOLY, 2003; GROSSI, 2003; MATEIRO, 2003; VIEIRA, 2003; CERESER, 2004; FIGUEIREDO, 2004; MACHADO, 2004; MÜLLER, 2005; QUEIROZ, MARINHO, 2005; PENNA, 2007, 2008, 2010; LOURO, 2008; JARDIM, 2009; ALMEIDA, 2010; BASTIÃO, 2010; FERNANDES, 2012) que buscam refletir sobre a formação e atuação de professores e que apresentam uma valorização das experiências e vivências docentes, assim como a descoberta de saberes construídos durante a prática docente e os saberes experienciais(GROSSI, 2003; MACHADO, 2004; ALMEIDA, 2005; SPAVANELLO, BELLOCHIO, 2005; TOURINHO, 2006; PENNA, 2008; BASTIÃO, 2010), que se tornam referenciais para futuros professores e professoras de música em formação continuada na área da Educação Musical. Com relação as pesquisas biográficas encontradas referem-se à formação e à atuação de jovens professores de música (GAULKE, 2011, 2013). O fio condutor que interliga esses estudos encontrados nas revistas da Associação Brasileira de Educação Musical (ABEM) está diretamente ligado aos saberes experienciais, sob os quais o licenciando ou o professor está construindo sua identidade docente em seu cotidiano profissional ou para a profissão docente. Pode-se concluir que as pesquisas sobre a formação e atuação de professores de música está em crescente desenvolvimento e fortalecimento da área como campo de estudo. As narrativas e (auto)biografias contribuem para a reflexão e formação dos professores de música, tornando-se mais uma abordagem de pesquisa que favorece o desenvolvimento dos estudos em Educação Musical na atualidade.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.