Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 262
ESTUDO DAS MACROALGAS BENTÔNICAS OCORRENTES EM TRÊS PRAIAS DO PIAUÍ E SUA IMPORTÂNCIA AMBIENTAL

Palavra-chaves: MACROALGAS, LITORAL PIAUIENSE, PRESERVAÇÃO Comunicação Oral (CO) EDUCAÇÃO AMBIENTAL Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

As macroalgas são seres fotossintetizantes, eucariontes, que apresentam grande diversidade e riqueza. Elas estão classificadas em três filos: Chlorophyta, Heteronkontophyta (Phaeophyta) e Rhodophyta. Podendo ser encontradas em ambientes costeiros, no mediolitoral ou infralitoral. No entanto, esses ecossistemas sofrem influência das atividades antrópicas que alteram as características dessas regiões. Dessa maneira, o presente trabalho teve por objetivo conhecer a diversidade da ficoflora do litoral piauiense, a fim divulgar e aplicar as informações obtidas, de modo que desperte as pessoas para a extrema importância desse ecossistema. Foram efetuadas três coletas em cada uma das praias: Barrinha, Macapá e Pedra do Sal, totalizando um nove coletas, as quais foram realizadas conforme metodologia rotineira, durante o período de maré baixa. O material ficológico coletado foi herborizado, estudado e identificado em laboratório. Para a identificação foram adotados alguns trabalhos, além da comparação morfológica com outros estudos ficológicos da região. A partir da análise das amostras das algas, foram obtidos 35 táxons distintos, sendo 17 Rodofíceas, 15 clorofíceas e três Feofíceas. Diante dos resultados obtidos, pode-se observar que estes são significativos, em relação ao avanço científico estadual, regional e nacional, e principalmente à futura aplicação dos dados na conscientização da população no que diz respeito à preservação do Meio Ambiente.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.