Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 224
PERFIL DOS PROFESSORES DE EJA DO ENSINO FUNDAMENTAL II NO MUNICÍPIO DE PATOS-PB: RELAÇÃO DO ENSINO DE CIÊNCIAS NATURAIS COM O COTIDIANO DESSE PÚBLICO

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO, PARAÍBA, EJA Pôster (PO) EDUCAÇÃO DE PESSOAS JOVENS E ADULTAS Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Introdução: A Educação de Jovens e Adultos (EJA) consiste numa modalidade de ensino básico no Brasil. A EJA compreende os ensinos fundamentais I e II, bem como o Ensino Médio. Da mesma forma que o sistema de ensino regular, a EJA enfrenta vários problemas estruturais, técnicos e pedagógicos, o que afeta a qualidade do serviço e, consequentemente, da educação. Diante desse cenário, mais especificamente em relação ao ensino das Ciências no município de Patos-PB, a EJA oferece a inúmeras pessoas a possibilidade de concluir os estudos básicos. Porém, o perfil do profissional docente do ensino das Ciências Naturais na EJA não é conhecido, o que pode dificultar a inserção de medidas que venham complementar ou suplementar sua formação, através de cursos de formação continuada, por exemplo.Objetivo: o presente estudo objetivou avaliar o perfil dos professores da EJA, o material didático e as dificuldades daqueles profissionais sobre ensino de Ciências na cidade de Patos-PB.Metodologia: a pesquisa foi desenvolvida por meio da avaliação do material didático, visitas às escolas e através de entrevistas semi-estruturadas, gravadas em áudio e contendo perguntas sobre o uso daquele material. A participação se desenvolveu de maneira voluntária e foi devidamente assegurada por meio da assinatura de um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE), assinado por ambas as partes (pesquisador e sujeito da pesquisa).Resultados: Compondo o perfil dos professores, foi observada a prevalência do sexo feminino (100% das entrevistadas), com idade entre 30 e 50 anos e tempo de serviço variando de 10 a 15 anos. A avaliação do material didático consistiu na comparação de dois livros. Um denominado “EJA Moderna”, da Editora Moderna e o outro “Alcance EJA”, da Editora Positivo. Foi observado que ambos os livros atenderam as Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos, com vários destaques para o primeiro (sugestão de páginas web para pesquisa e de atividades práticas, texto complementar, etc). Por outro lado, foram detectadas ausências de assuntos transversais e a presença conceitual de características que projetam a Ciência como imutável. Quando confrontada a opinião dos professores sobre o uso desses livros, por unanimidade, todos defendem o uso do livro “Alcance EJA”, alegando maior proximidade de seu conteúdo com a realidade social dos alunos. Foi possível observar também durante as visitas às escolas um grande déficit de livros.Conclusão: através da avaliação do material didático, das observações feitas durante as visitas às escolas e das entrevistas com os professores que, mesmo o livro “Alcance EJA” sendo eleito pelos professores como o material mais adequado, o livro da editora Moderna, atende melhor as diretrizes nacionais. No que diz respeito ao perfil dos professores, apesar da experiência constatada, a falta de recursos didáticos e de apoio pedagógico intensivo prejudica o desenvolvimento de suas funções.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.