Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

OS DECRETOS GOVERNAMENTAIS ALAGOANOS E A REGULAMENTAÇÃO DA INSTRUÇÃO PÚBLICA

Palavra-chaves: INSTRUÇÃO PÚBLICA, DECRETOS GOVERNAMENTAIS, ALAGOAS Comunicação Oral (CO) HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

A partir do estudo da história da educação no Brasil em diferentes contextos sociais e políticos e entendendo que a construção dessa educação aconteceu de maneira diferente em cada estado brasileiro, pode-se afirmar a importância do estudo da história da educação do Estado de Alagoas, especialmente no período da Primeira República. Deste modo, este artigo apresenta uma discussão acerca da regulamentação da Instrução Pública alagoana nas primeiras décadas da República, estando embasado nos Decretos governamentais da época e em autores como Azevedo (2001), Costa (2011), Ramos (1935) e Verçosa (1997), que se propuseram a pesquisar e levantar dados acerca da história da educação de Alagoas. Tem como objetivo analisar a regulamentação da Instrução Pública alagoana a partir do estudo de alguns Decretos governamentais do Estado de Alagoas, e discutir como se deu a construção dessa Instrução Pública no período da Primeira República. Com a análise dos Decretos governamentais do Estado de Alagoas, bem como da regulamentação da Instrução Pública do Estado nas primeiras décadas da República, e em comparação com o contexto social e econômico da época, analisado com o estudo dos autores mencionados, foi possível fazer uma análise comparativa entre o discurso oficial dos Decretos e os estudos apresentados pelos autores, levando a conclusão de que tais decretos e regulamentos referentes a Instrução Pública de Alagoas voltavam-se para a tentativa de oferecer para a população uma instrução que atendesse as demandas econômicas, que o Estado passou a exigir com a República, com ideais escolanovistas que não se efetuaram na prática.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.