Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

O DIAGNÓSTICO COMO ESTRATÉGIA PARA O DESENVOLVIMENTO DE AÇÕES EDUCACIONAIS NAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO: UM OLHAR DAS BOLSISTAS “PIBIDIANAS” DA UNEB CAMPUS XI

Palavra-chaves: DIAGNÓSTICO ESCOLAR, PLANEJAMENTO, AÇÕES Pôster (PO) FORMAÇÃO DE PROFESSORES Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

O diagnóstico escolar é um instrumento que possibilita ao profissional em formação conhecer e compreender a dinâmica do local onde ele estará inserido no período de suas atividades seja como bolsista, estagiário ou funcionário. Segundo Vasconcelos (2000, p. 190) o diagnóstico não é um simples retrato da realidade ou um mero levantamento de dificuldades, “é antes de tudo um olhar atento à realidade para identificar as necessidades radicais, e/ou o confronto entre as situações que desejamos viver para chegar a essas necessidades”. Nessa perspectiva, o presente trabalho é resultado de uma das ações proposta pelo Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), vinculado a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), que tem por objetivo fomentar a formação inicial e continuada de profissionais do magistério básico, numa ação que articula a participação de estudantes dos Cursos de Licenciatura das Universidades Públicas nas escolas da Educação Básica sob a Coordenação de professores da Universidade e Supervisão de professores da Educação Básica. Assim sendo, o trabalho proposto objetivou identificar as potencialidade do diagnóstico no âmbito do PIBID, durante o processo de observação, no sentido de articular o planejamento e execução das atividades realizadas no Centro de Apoio Pedagógico a Pessoas com Necessidades Educativas Especiais (Capene). Nesse sentido, a metodologia utilizada ocorreu através de observações norteadas por um roteiro básico, além da análise documental e de registro de imagens da Instituição, a fim de evidenciar a realidade observada, onde foram de suma importância para a construção do diagnóstico. Entre os principais resultados observados podemos destacar que o diagnóstico contribuiu para melhor planejamento das ações propostas, orientação sobre administração de recursos e indicação das possibilidades e dificuldades de trabalho, além de implicações em atividades pedagógicas contextualizadas, por considerar a faixa etária e o desenvolvimento cognitivo dos estudantes, bem como as ações que serão essenciais para o desenvolvimento do trabalho docente no espaço onde as bolsistas estarão inseridas no decorrer das atividades desenvolvidas pelo PIBID. Nessa perspectiva, o diagnóstico foi de fundamental importância para que nós bolsistas “pibidianas” refletíssemos sobre as questões pedagógicas influenciadas por aspectos de funcionamento e estrutura onde as ações de intervenção serão desenvolvidas e além disso, o mesmo se fundamenta como um instrumento norteador para que novas propostas surjam no sentido de contribuir para o desenvolvimento tanto do CAPENE quanto das bolsistas, que futuramente estarão inseridas como profissionais, seja na escola regular ou nos Centro de Atendimento Especializado.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.