Artigo Anais do V CONAPESC

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

Visualizações: 93
TRANSEXUALIDADE E MERCADO DE TRABALHO: MULHERES TRANSEXUAIS TÊM COMO ÚNICA FORMA DE SOBREVIVÊNCIA A PROSTITUIÇÃO COMPULSÓRIA – TRABALHADORAS SEXUAIS.

Palavra-chaves: IDENTIDADES, TRANSEXUALIDADE, MERCADO DE TRABALHO, SOCIEDADE, EXCLUSÃO Comunicação Oral (Artigo Completo) AT 03: Pesquisa e Ensino em Ciências Humanas e Sociais

Resumo

ANALISAR O MERCADO DE TRABALHO A PARTIR DA PERSPECTIVA DAS EXPERI?NCIAS TRANS ? MULHERES TRANSEXUAIS ESTAREM ALIJADAS DESSES ESPA?OS DE ATUA??O E, POR CONSEGUINTE, INCLUS?O E PARTICIPA??O SOCIAL. OS ESPA?OS DE TRABALHOS CORROBORAM NO SENTIDO DE EMANCIPAR AS PESSOAS GARANTINDO AUTONOMIA PROFISSIONAL, PESSOAL E FINANCEIRA, DANDO OPORTUNIDADES DE RESIST?NCIAS PARA IDENTIDADES QUE HISTORICAMENTE V?M SOFRENDO TODOS OS PROCESSOS DE EXCLUS?O A PARTIR DO MOMENTO EM QUE SE VIVE EM UMA SOCIEDADE MOLDADA NO PRECONCEITO EM RELA??O AS IDENTIDADES DE G?NERO, NO CASO AQUI SUPRAMENCIONADO ? MULHERES TRANSEXUAIS. O MERCADO DE TRABALHO SE MOSTRA DE MANEIRA EXCLUDENTE NO SENTIDO DE N?O ABRANGER A M?O DE OBRA OFERECIDA PELAS MULHERES TRANSEXUAIS E COM ISSO RESTANDO PARA ESSAS IDENTIDADES ? CORPOS TRABALHAR COMO PROFISSIONAIS DO SEXO ? TRABALHADORAS SEXUAIS COMO ?NICO MEIO DE SOBREVIV?NCIA E DE FORMA COMPULS?RIA ? ALTERNATIVA ?NICA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.