Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

A MULTIDÃO NO CORDEL CONTEMPORÂNEO: REFLEXÕES PARA UMA PROPOSTA PEDAGÓGICA

Palavra-chaves: LITERATURA DE CORDEL., ESPAçO DE MULTIDãO., O CORDEL EM SALA DE AULA. Comunicação Oral (CO) MOVIMENTOS SOCIAIS, SUJEITOS E PROCESSOS EDUCATIVOS Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

A cultura num contexto de multiplicidade (técnica, econômica, social) molda realidades cotidianas por meio de representações singulares e coletivasque oferecem critérios e referências para a condução da vida diária. Neste ensaio, nosso objetivo é verificarcomoa literatura de cordel, compreendida num tal contexto radicalmente contemporâneo que é tanto urbano quanto de multidão,pode contribuir para uma perspectiva pedagógica, na medida em que é uma das formas de resistência mais importantes de muitas minorias urbanas. Com isso queremos dizer que compreendemos o cordel inserido nos devires contemporâneos, sobretudo no espaço da cidade, como a produção dos muitos e de sua diversidade constitutiva e como a Escola pode ganhar muito com isso.Como embasamento teórico-metodológico, interessa-nos Bernard (2013), Gatti (2013)e Kenski (2008). Sobre literatura de cordel,temos Silva (2010), Beltrão (2001) eLuyten (1992). Para uma perspectiva sociocultural, nos embasamos em Martín-Barbero (2008),Glissant (2006) e Canclini (2008). Nossa hipótese de base é que o cordelna sala de aula, se compreendido neste contexto de multiplicidade, pode ser mediador de uma nova propostapedagógica, capaz de dar conta das singularidades da multidão, quase sempre excluídas ou silenciadas. É por isso que o cordel é uma das formaspotenciais das minorias brasileiras que se urbanizam, não sendo possível pensá-los em separado, Cordel/Cidade, Cordel/multidão.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.