Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

A IMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO CONTINUADA PARA OS PROFESSORES DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS- EJA

Palavra-chaves: FORMAÇÃO DE PROFESSORES, EJA, MODALIDADE Comunicação Oral (CO) FORMAÇÃO DE PROFESSORES Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Os temas envolvidos na formação de professores vêm sendo amplamente debatidos, provocando muitas reflexões e discussões. Quando associamos a formação de professores à Educação de Jovens e Adultos-EJA, nos deparamos com uma infinidade de problemas enfrentados pelos docentes. A EJA pelo fato de ter tanta especificidade precisa ser repensada em relação ao processo de formação continuada, pois o professor com uma postura diferenciada frente a essa realidade poderá ser sujeito relevante no que diz respeito à permanência desse aluno em sala de aula. Sabedor das necessidades e anseios dos jovens e adultos torna-se possível desenvolver um trabalho voltado para a realidade deste educando, que durante a história da educação nesse país sempre esteve à margem dos sistemas educacionais. Atualmente, um grande público dessa modalidade frequenta nossas escolas e encontram profissionais da educação que, acostumados a trabalhar com alunos da educação infantil, ensino fundamental ou médio, usam a mesma metodologia que costumam usar habitualmente com suas turmas de ensino regular. Pensando nessa problemática, o presente trabalho pesquisou junto aos professores matriculados no Curso de Especialização em Docência dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental das Populações do Campo e Carcerária, na Modalidade EJA da Universidade Federal do Piauí-UFPI - Parnaíba, a importância da formação continuada para a sua prática docente. Após a análise dos questionários, pudemos concluir que a prática pedagógica assume um novo rumo, pois a participação em cursos voltados especificamente para a educação de jovens e adultos proporcionam um maior conhecimento e consequentemente uma nova postura para enfrentar as dificuldades encontradas na EJA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.