Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

A CONSOLIDAÇÃO DA PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA NA EDUCAÇÃO: O CASO DO PRONATEC NA CIDADE DO RECIFE /PE

Palavra-chaves: PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA, PRONATEC, POLÍTICA PÚBLICA EDUCACIONAL Comunicação Oral (CO) DIDÁTICA, CURRÍCULO E POLÍTICA EDUCACIONAL
"2014-09-18 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 6665
    "edicao_id" => 23
    "trabalho_id" => 1720
    "inscrito_id" => 3169
    "titulo" => "A CONSOLIDAÇÃO DA PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA NA EDUCAÇÃO: O CASO DO PRONATEC NA CIDADE DO RECIFE /PE"
    "resumo" => "O presente trabalho, objetiva discutir as vantagens e desvantagens das parcerias público-privadas através do caso da expansão do ensino técnico em Recife a partir do Pronatec, implementado como política pública educacional, tendo como uma de suas iniciativas o incentivo às parcerias com instituições privadas de ensino. O trabalho retoma a reforma gerencial do Estado que serviu de incentivo para o surgimento das parcerias público-privadas, em seguida apresenta as principais diretrizes do Pronatec. Para cumprir com os objetivos do trabalho a metodologia utilizada pauta-se numa abordagem quanti-qualitativa, através do levantamento estatístico de dados do crescimento no número de matrículas a partir de 2011 e do número de instituições que ofertam a educação profissional no Recife desde 2005. O que se observa é que a parceria publico-privada tem sido apresentada como uma desvantagem para o projeto emancipatório e liberal de educação, por considerar apenas a quantidade e desconsiderar a qualidade. É a partir destas circunstâncias que se dá a consolidação das escolas privadas de educação profissional em Recife instituída pelo governo atual como política pública educacional por meio do Pronatec, expressando a privatização do público, a partir da inserção de organizações privadas executando políticas que seriam de responsabilidade do Estado."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "DIDÁTICA, CURRÍCULO E POLÍTICA EDUCACIONAL"
    "palavra_chave" => "PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA, PRONATEC, POLÍTICA PÚBLICA EDUCACIONAL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_14_08_2014_14_33_38_idinscrito_3169_47199d109cbc60bae878663e5d180b00.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:53"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:12:23"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "THAYANE MARIA DEODATO CAVALCANTE"
    "autor_nome_curto" => "THAYANE DEODATO"
    "autor_email" => "thayanedc@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFPE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais I CONEDU"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2014"
    "edicao_logo" => "5e4a0671b0a63_17022020002017.png"
    "edicao_capa" => "5f1848d9ed142_22072020111033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-09-18 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 6665
    "edicao_id" => 23
    "trabalho_id" => 1720
    "inscrito_id" => 3169
    "titulo" => "A CONSOLIDAÇÃO DA PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA NA EDUCAÇÃO: O CASO DO PRONATEC NA CIDADE DO RECIFE /PE"
    "resumo" => "O presente trabalho, objetiva discutir as vantagens e desvantagens das parcerias público-privadas através do caso da expansão do ensino técnico em Recife a partir do Pronatec, implementado como política pública educacional, tendo como uma de suas iniciativas o incentivo às parcerias com instituições privadas de ensino. O trabalho retoma a reforma gerencial do Estado que serviu de incentivo para o surgimento das parcerias público-privadas, em seguida apresenta as principais diretrizes do Pronatec. Para cumprir com os objetivos do trabalho a metodologia utilizada pauta-se numa abordagem quanti-qualitativa, através do levantamento estatístico de dados do crescimento no número de matrículas a partir de 2011 e do número de instituições que ofertam a educação profissional no Recife desde 2005. O que se observa é que a parceria publico-privada tem sido apresentada como uma desvantagem para o projeto emancipatório e liberal de educação, por considerar apenas a quantidade e desconsiderar a qualidade. É a partir destas circunstâncias que se dá a consolidação das escolas privadas de educação profissional em Recife instituída pelo governo atual como política pública educacional por meio do Pronatec, expressando a privatização do público, a partir da inserção de organizações privadas executando políticas que seriam de responsabilidade do Estado."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "DIDÁTICA, CURRÍCULO E POLÍTICA EDUCACIONAL"
    "palavra_chave" => "PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA, PRONATEC, POLÍTICA PÚBLICA EDUCACIONAL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_14_08_2014_14_33_38_idinscrito_3169_47199d109cbc60bae878663e5d180b00.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:53"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:12:23"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "THAYANE MARIA DEODATO CAVALCANTE"
    "autor_nome_curto" => "THAYANE DEODATO"
    "autor_email" => "thayanedc@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFPE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais I CONEDU"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2014"
    "edicao_logo" => "5e4a0671b0a63_17022020002017.png"
    "edicao_capa" => "5f1848d9ed142_22072020111033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-09-18 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

O presente trabalho, objetiva discutir as vantagens e desvantagens das parcerias público-privadas através do caso da expansão do ensino técnico em Recife a partir do Pronatec, implementado como política pública educacional, tendo como uma de suas iniciativas o incentivo às parcerias com instituições privadas de ensino. O trabalho retoma a reforma gerencial do Estado que serviu de incentivo para o surgimento das parcerias público-privadas, em seguida apresenta as principais diretrizes do Pronatec. Para cumprir com os objetivos do trabalho a metodologia utilizada pauta-se numa abordagem quanti-qualitativa, através do levantamento estatístico de dados do crescimento no número de matrículas a partir de 2011 e do número de instituições que ofertam a educação profissional no Recife desde 2005. O que se observa é que a parceria publico-privada tem sido apresentada como uma desvantagem para o projeto emancipatório e liberal de educação, por considerar apenas a quantidade e desconsiderar a qualidade. É a partir destas circunstâncias que se dá a consolidação das escolas privadas de educação profissional em Recife instituída pelo governo atual como política pública educacional por meio do Pronatec, expressando a privatização do público, a partir da inserção de organizações privadas executando políticas que seriam de responsabilidade do Estado.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.