Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

MÉRITO SOCIAL, EQUIDADE E EDUCAÇÃO EM ÉMILE DURKHEIM

Palavra-chaves: MÉRITO SOCIAL, APTIDÃO, ESFORÇO, EDUCAÇÃO, EDUCAÇÃO Comunicação Oral (CO) GT 04 - Fundamentos da Educação Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

O TRABALHO TEM POR OBJETIVO ANALISAR A CONCEPÇÃO DE MÉRITO E SUAS RELAÇÕES COM A SOCIEDADE E COM A EDUCAÇÃO PRESENTE NOS ESCRITOS DE DURKHEIM QUE DIALOGAM COM A EDUCAÇÃO. TRATA-SE DE UM TRABALHO DE NATUREZA TEÓRICA, VINCULADO AO PROJETO DE PESQUISA MAIS AMPLO, INTITULADO “IDEOLOGIA MERITOCRÁTICA E EDUCAÇÃO: RESSIGNIFICAÇÕES DO LIBERALISMO AO NEOLIBERALISMO”, DESENVOLVIDO JUNTO AO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA – UFSC, COMO ATIVIDADE DE ESTÁGIO PÓS-DOUTORAL. OS RESULTADOS APONTAM QUE DURKHEIM CONCEBE A EDUCAÇÃO COMO UM PROJETO MORAL, VOLTADO PARA A CONSTRUÇÃO DO SER SOCIAL, QUE IMPLICA EM TRANSFORMAR AS “APTIDÕES” INDIVIDUAIS EM FUNÇÕES SOCIAIS E REQUER “ESFORÇO” DOS AGENTES, INTERMEDIADO PELAS INSTITUIÇÕES SOCIAIS. A PARTIR DESSA PERSPECTIVA, O MÉRITO PASSA A SER CONCEBIDO COMO “MÉRITO SOCIAL”. O EMPREENDIMENTO DIZ RESPEITO À ANÁLISE DAS SOCIEDADES COMPLEXAS, CARACTERIZADAS PELA INTENSIFICAÇÃO DA DIVISÃO DO TRABALHO SOCIAL, ONDE A AFIRMAÇÃO DO MÉRITO TENCIONA COM OS EFEITOS DA HERANÇA E REQUER UMA REDEFINIÇÃO DO ORDENAMENTO DEMOCRÁTICO, RESPALDADA NOS GRUPOS INTERMEDIÁRIOS, TENDO A EDUCAÇÃO ESCOLAR COMO INSTÂNCIA PROTOTÍPICA VOLTADA PARA A PRODUÇÃO DE CONDIÇÕES EQUITATIVAS. TRATA-SE DE UMA DAS EXPRESSÕES MAIS ELABORADAS DA TRADIÇÃO LIBERAL-REPUBLICANA, CUJOS LIMITES SÃO PROBLEMATIZADOS PELA SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO A PARTIR DA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XX E CUJO TEOR VEM SENDO COLOCADO EM XEQUE PELO PENSAMENTO NEOLIBERAL AO LONGO DAS ÚLTIMAS DÉCADAS.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.