Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

IMPLICAÇÕES DA MATERNIDADE ADOLESCENTE: UM ESTUDO ESTATÍSTICO SOBRE O (IN)SUCESSO ESCOLAR

Palavra-chaves: ESTATÍSTICA, MATERNIDADE ADOLESCENTE, CONTEXTUALIZAÇÃ, EVASÃO ESCOLAR Pôster (PO) GT 17 – Ensino e suas intersecções Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

ESSE TRABALHO OBJETIVOU ANALISAR, FORNECER SUBSÍDIOS E ATUAR PREVENTIVAMENTE JUNTO AOS ESTUDANTES SOBRE AS CONSEQUÊNCIAS DA MATERNIDADE PRECOCE. O ASSUNTO TEVE UMA ABORDAGEM INTERDISCIPLINAR ENTRE OS CAMPOS DA MATEMÁTICA, BIOLOGIA E SOCIOLOGIA. O INTUITO INICIAL FOI CONTEXTUALIZAR O ENSINO DE MATEMÁTICA/ESTATÍSTICA PARA ANALISAR E COMPREENDER SITUAÇÕES DO COTIDIANO. O CUNHO SOCIAL DO TRABALHO FOI ACOMPANHADO POR EQUIPE MULTIPROFISSIONAL, COMPOSTA POR ESTUDANTES, PROFESSORES, ASSISTENTE SOCIAL E PSICÓLOGO. OS DADOS FORAM COLHIDOS JUNTO AO IBGE, MINISTÉRIO DA SAÚDE E SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE JUAZEIRO DO NORTE. DUAS ESCOLAS FORAM ESCOLHIDAS ALEATORIAMENTE PARA PARTICIPAR DA PESQUISA, UMA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO OUTRA DE ENSINO FUNDAMENTAL. FORAM REGISTRADOS 7 E 14 CASOS, RESPECTIVAMENTE, NOS ÚLTIMOS 2 ANOS. OS DADOS ESTATÍSTICOS DEMONSTRARAM QUE AS MÃES ADOLESCENTES TÊM MÉDIA DE IDADE 15,88 E MODA 16 ANOS. DESSE TOTAL, 14 PARARAM DE ESTUDAR; ISSO REPRESENTA 66,66 % DE EVASÃO POR CONTA DA GRAVIDEZ. MESMO SENDO UM TEMA BASTANTE TRABALHADO NAS ESCOLAS, A GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA AINDA TEM REGISTROS DE CASOS COM PROPORÇÕES SIGNIFICATIVAS.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.