Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

DOMÍNIO DE SALA: AUTORITARISMO CAMUFLADO

Palavra-chaves: ENSINO DE HISTÓRIA, FAZER DA DOCÊNCIA, DOMÍNIO DE SALA Comunicação Oral (CO) GT 02 - Didática, Currículo e Política Educacional Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

ESTE ARTIGO PRETENDE PROBLEMATIZAR AS RELAÇÕES PEDAGÓGICAS-METODOLÓGICAS PONTUADAS E ABORDADAS ENTRE PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO INTITULADAS COMO “DOMÍNIO DE SALA”. O ARTIGO TEM COMO OBJETIVO REFLETIR SOBRE QUAIS OS SIGNIFICADOS DESSE DOMÍNIO NO ESPAÇO DA SALA DE AULA E COMO TAL DOMÍNIO SE PERPETUA NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM DOS EDUCANDOS. A METODOLOGIA, CARACTERIZA-SE COMO UMA PESQUISA DE CAMPO, ADVINDO DA PRÁXIS DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO IV, NO ENSINO FUNDAMENTAL ANOS FINAIS. AS OBSERVAÇÕES, PARTICIPAÇÃO E REGÊNCIA NA DISCIPLINA DE HISTÓRIA SÃO OS PASSOS QUE CONTRIBUÍRAM PARA DISCUTIR E PROBLEMATIZAR AS RELAÇÕES EXISTENTES ENTRE AUTORIDADE E AUTORITARISMO PRESENTE EM SALA DE AULA, ASSIM COMO, O AUTORITARISMO PODEM INFLUENCIAR NAS RELAÇÃO PEDAGÓGICAS ENTRE PROFESSOR – ALUNO. AS RELAÇÕES DE AUTORIDADE VIVENCIADAS EM SEU REFLEXO DE DOMÍNIO, OCORRERAM DENTRO DE UMA ESCOLA PÚBLICA NA CIDADE DO CRATO, INTERIOR DO CEARÁ, NAS AULAS DE HISTÓRIA, ONDE PODEMOS CONSIDERAR O ESTABELECER PARALELO ENTRE O PROFESSOR E O ENSINO QUE ESTE OFERECE. COMPREENDEMOS OS EDUCADORES COMO AGENTE SOCIOCULTURAL E POLÍTICO, SÃO ELES QUE TÊM A TAREFA E AS CONDIÇÕES AS QUAIS SÃO NECESSÁRIAS AO EXERCÍCIO DA APRENDIZAGEM E O SER CIDADÃO ONDE ESTE CONSEGUIRÁ POSSIBILITAR E INSTIGAR SEUS ESTUDANTES A EXPERIMENTAR E VIVENCIAR AS RELAÇÕES INTERPESSOAIS, CULTURAIS REFLETINDO AS DIFERENÇAS PRESENTES NO ESPAÇO DA SALA DE AULA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.