Artigo Anais CONACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-0186

PAPEL DA ENFERMAGEM NA PREVENÇÃO DE INFECÇÃO POR HPV EM ADOLESCENTES E JOVENS

Palavra-chaves: ENFERMAGEM, ADOLESCENTE, HPV Pôster (PO) Enfermagem Publicado em 09 de abril de 2014

Resumo

INTRODUÇÃO: O HPV é um condiloma acuminado, conhecido também como verruga genital, e crista de galo. É uma doença sexualmente transmissível (DST) causada pelo papiloma vírus humano que está entre as principais patologias infecciosas do trato genital de mulheres de vida sexual ativa (BURCHELL et al., 2009). Atualmente, existem mais de 100 tipos de HPV, alguns deles podendo causar câncer, principalmente no colo do útero e do ânus. Segundo a Organização Mundial de Saúde (2008) o câncer cervical, tem uma incidência mundial de cerca de 500.000 casos por ano, desta forma é caracterizado como um dos mais graves problemas de saúde pública. OBJETIVO: Este estudo tem como objetivo analisar a produção científica da atuação da enfermagem na prevenção da infecção pelo HPV na população adolescente e jovem no período de 2008 a 2013. Metodologia: A pesquisa baseou-se em uma busca de artigos científicos e manuais do Ministério da Saúde, realizados em bases de dados (SciELO, BDENF, LILASCS) utilizando os seguintes descritores: A atuação da enfermagem na prevenção do HPV na população adolescente e jovem. Foram encontradas 10 produções cientificas brasileiras publicadas no período 2008 a 2013 que versavam sobre o objetivo do estudo, sendo 7 utilizadas para produção do trabalho. Para a seleção dos artigos foram adotados os seguintes critérios: possuírem ou ter pertinência quanto objetivo do estudo, ter sido publicados entre os anos de 2008 e 2013, está indexados nas bases de dados SciELO, BDENF, LILASCS. A escolha do tema deu-se com base na vivencia acadêmica, em função da grande incidência do HPV entre adolescentes e jovens, que nos leva a refletir sobre a importância da Educação em Saúde, através da atuação da enfermagem. RESULTADOS: O principal papel da enfermagem é a prevenção, tarefa fundamental para diminuir taxas de infecções pelo HPV, conscientizando a população jovem do sexo seguro, uso do preservativo, bem como promover ações para mudanças de comportamento sexual entre adolescentes e jovens e captação precoce dos casos suspeitos de HPV. A enfermagem deve incentivar as adolescentes a realizarem o exame preventivo, pois o medo, desconforto, vergonha e a falta de informação são os principais motivos da não adesão ao exame. CONCLUSÃO: Conclui-se que em decorrência aos fatores apresentados é e importante que os adolescentes e jovens sejam bem acompanhados nesta fase da vida, e que a enfermagem tem um papel de destaque neste acompanhamento, sendo responsável na elaboração de atividades de prevenção e orientação sexual, estabelecendo diálogo aberto e boas relações com seu público, para que dessa forma consiga passa as informações necessárias evitando problemas indesejáveis tornando sua assistência qualificada. PALAVRAS-CHAVE: enfermagem, adolescente, HPV.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.