Artigo Anais CONACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-0186

CUIDADOS DE ENFERMAGEM A UMA CRIANÇA ACOMETIDA POR PEDICULOSE: RELATO DE EXPERIÊNCIA EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE

Palavra-chaves: CUIDADOS DE ENFERMAGEM, CRIANÇA, PEDICULOSE Relato de Experiência(RE) Enfermagem
"2014-04-09 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 5313
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 787
    "inscrito_id" => 2922
    "titulo" => "CUIDADOS DE ENFERMAGEM A UMA CRIANÇA ACOMETIDA POR PEDICULOSE: RELATO DE EXPERIÊNCIA EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE"
    "resumo" => "Introdução. A Pediculose é uma inflamação da pele causada por pequenos artrópodes, mais conhecidos como piolhos, que se instalam comumente nas regiões do corpo coberta por pêlos. Os sinais e sintomas mais comuns são coceira intensa no local, podendo desencadear ferimentos no couro cabeludo. A disseminação ocorre por contato direto com o individuo que tem piolhos e também pelo uso de objetos pessoais, tais como: pentes e escovas. Objetivo: Descrever a atuação da equipe de enfermagem frente a uma criança acometida por pediculose. Metodologia. Trata-se de um relato de experiência ocorrido no mês setembro de 2013, durante o Estágio Curricular Supervisionado I, realizado em uma Unidade de Saúde da Família de Cajazeiras-PB, com uma criança com diagnóstico de pediculose, acompanhada pela equipe de saúde da família, após internação no Hospital Universitário Júlio Bandeira. Resultados: a paciente deste estudo é menor de idade, possui 12 anos é do sexo feminino, residente no lixão do bairro São Francisco, onde vive em precárias condições de moradia. A referida criança foi acometida por uma grande infestação de piolhos, o que provocou além da coceira, ferimentos em seu couro cabeludo, sendo a mesma internada no hospital infantil, onde teve que raspar a sua cabeça, no intuito de minimizar a infestação e favorecer o tratamento dos ferimentos já existentes. Quando de seu retorno ao domicilio, a criança dirigiu-se a Unidade de Saúde acompanhada de sua cuidadora para a realização da limpeza no couro cabeludo e em seguida a confecção do curativo tipo oclusivo. Durante o tratamento a menor encontrava-se cooperativa e esperançosa. No tratamento da ferida foi realizado curativo com Solução Fisiológica a 0,9% + colagenase e cobertura com gaze durante 15 dias. No tocante as ações educativas, a equipe de enfermagem orientou a menor e sua cuidadora com relação a importância da higiene corporal e do couro cabeludo. Em virtude de ter raspado a cabeça, a criança encontrava-se com baixa auto-estima, a este respeito, os enfermeirandos, implementaram em sua assistência estratégias como conversas e brincadeiras no intuito de resgatar a alegria e a auto-estima da criança. Conclusão: A enfermagem tem papel fundamental na promoção da saúde e reabilitação, devendo buscar garantir uma atenção integral e humanizada. No caso dessa criança, percebeu-se que não era preciso apenas realizar procedimentos técnicos, foi preciso trabalhar com o seu emocional, resgatar sua auto-estima, envolvendo neste contexto, os seus familiares."
    "modalidade" => "Relato de Experiência(RE)"
    "area_tematica" => "Enfermagem"
    "palavra_chave" => "CUIDADOS DE ENFERMAGEM, CRIANÇA, PEDICULOSE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_3datahora_24_03_2014_21_42_55_idinscrito_2922_479318f635eed31d179e3c49504c8759.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:38"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "JOSÉ PEREIRA DA SILVA NETO"
    "autor_nome_curto" => "JOSÉ PEREIRA"
    "autor_email" => "josepereirash@hotmail.com"
    "autor_ies" => "FACULDADE SANTA MARIA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 5313
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 787
    "inscrito_id" => 2922
    "titulo" => "CUIDADOS DE ENFERMAGEM A UMA CRIANÇA ACOMETIDA POR PEDICULOSE: RELATO DE EXPERIÊNCIA EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE"
    "resumo" => "Introdução. A Pediculose é uma inflamação da pele causada por pequenos artrópodes, mais conhecidos como piolhos, que se instalam comumente nas regiões do corpo coberta por pêlos. Os sinais e sintomas mais comuns são coceira intensa no local, podendo desencadear ferimentos no couro cabeludo. A disseminação ocorre por contato direto com o individuo que tem piolhos e também pelo uso de objetos pessoais, tais como: pentes e escovas. Objetivo: Descrever a atuação da equipe de enfermagem frente a uma criança acometida por pediculose. Metodologia. Trata-se de um relato de experiência ocorrido no mês setembro de 2013, durante o Estágio Curricular Supervisionado I, realizado em uma Unidade de Saúde da Família de Cajazeiras-PB, com uma criança com diagnóstico de pediculose, acompanhada pela equipe de saúde da família, após internação no Hospital Universitário Júlio Bandeira. Resultados: a paciente deste estudo é menor de idade, possui 12 anos é do sexo feminino, residente no lixão do bairro São Francisco, onde vive em precárias condições de moradia. A referida criança foi acometida por uma grande infestação de piolhos, o que provocou além da coceira, ferimentos em seu couro cabeludo, sendo a mesma internada no hospital infantil, onde teve que raspar a sua cabeça, no intuito de minimizar a infestação e favorecer o tratamento dos ferimentos já existentes. Quando de seu retorno ao domicilio, a criança dirigiu-se a Unidade de Saúde acompanhada de sua cuidadora para a realização da limpeza no couro cabeludo e em seguida a confecção do curativo tipo oclusivo. Durante o tratamento a menor encontrava-se cooperativa e esperançosa. No tratamento da ferida foi realizado curativo com Solução Fisiológica a 0,9% + colagenase e cobertura com gaze durante 15 dias. No tocante as ações educativas, a equipe de enfermagem orientou a menor e sua cuidadora com relação a importância da higiene corporal e do couro cabeludo. Em virtude de ter raspado a cabeça, a criança encontrava-se com baixa auto-estima, a este respeito, os enfermeirandos, implementaram em sua assistência estratégias como conversas e brincadeiras no intuito de resgatar a alegria e a auto-estima da criança. Conclusão: A enfermagem tem papel fundamental na promoção da saúde e reabilitação, devendo buscar garantir uma atenção integral e humanizada. No caso dessa criança, percebeu-se que não era preciso apenas realizar procedimentos técnicos, foi preciso trabalhar com o seu emocional, resgatar sua auto-estima, envolvendo neste contexto, os seus familiares."
    "modalidade" => "Relato de Experiência(RE)"
    "area_tematica" => "Enfermagem"
    "palavra_chave" => "CUIDADOS DE ENFERMAGEM, CRIANÇA, PEDICULOSE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_3datahora_24_03_2014_21_42_55_idinscrito_2922_479318f635eed31d179e3c49504c8759.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:38"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "JOSÉ PEREIRA DA SILVA NETO"
    "autor_nome_curto" => "JOSÉ PEREIRA"
    "autor_email" => "josepereirash@hotmail.com"
    "autor_ies" => "FACULDADE SANTA MARIA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 09 de abril de 2014

Resumo

Introdução. A Pediculose é uma inflamação da pele causada por pequenos artrópodes, mais conhecidos como piolhos, que se instalam comumente nas regiões do corpo coberta por pêlos. Os sinais e sintomas mais comuns são coceira intensa no local, podendo desencadear ferimentos no couro cabeludo. A disseminação ocorre por contato direto com o individuo que tem piolhos e também pelo uso de objetos pessoais, tais como: pentes e escovas. Objetivo: Descrever a atuação da equipe de enfermagem frente a uma criança acometida por pediculose. Metodologia. Trata-se de um relato de experiência ocorrido no mês setembro de 2013, durante o Estágio Curricular Supervisionado I, realizado em uma Unidade de Saúde da Família de Cajazeiras-PB, com uma criança com diagnóstico de pediculose, acompanhada pela equipe de saúde da família, após internação no Hospital Universitário Júlio Bandeira. Resultados: a paciente deste estudo é menor de idade, possui 12 anos é do sexo feminino, residente no lixão do bairro São Francisco, onde vive em precárias condições de moradia. A referida criança foi acometida por uma grande infestação de piolhos, o que provocou além da coceira, ferimentos em seu couro cabeludo, sendo a mesma internada no hospital infantil, onde teve que raspar a sua cabeça, no intuito de minimizar a infestação e favorecer o tratamento dos ferimentos já existentes. Quando de seu retorno ao domicilio, a criança dirigiu-se a Unidade de Saúde acompanhada de sua cuidadora para a realização da limpeza no couro cabeludo e em seguida a confecção do curativo tipo oclusivo. Durante o tratamento a menor encontrava-se cooperativa e esperançosa. No tratamento da ferida foi realizado curativo com Solução Fisiológica a 0,9% + colagenase e cobertura com gaze durante 15 dias. No tocante as ações educativas, a equipe de enfermagem orientou a menor e sua cuidadora com relação a importância da higiene corporal e do couro cabeludo. Em virtude de ter raspado a cabeça, a criança encontrava-se com baixa auto-estima, a este respeito, os enfermeirandos, implementaram em sua assistência estratégias como conversas e brincadeiras no intuito de resgatar a alegria e a auto-estima da criança. Conclusão: A enfermagem tem papel fundamental na promoção da saúde e reabilitação, devendo buscar garantir uma atenção integral e humanizada. No caso dessa criança, percebeu-se que não era preciso apenas realizar procedimentos técnicos, foi preciso trabalhar com o seu emocional, resgatar sua auto-estima, envolvendo neste contexto, os seus familiares.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.