Artigo Anais CONACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-0186

ANALISANDO OS PRINCIPAIS FATORES QUE LEVAM ÀS MULHERES AO ELEVADO CONSUMO DE BENZODIAZEPÍNICOS NO CONTEXTO DE UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Palavra-chaves: BENZODIAZEPÍNICOS, TERAPÊUTICA, DESVANTAGEM Pôster (PO) Psicologia
"2014-04-09 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 5266
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 697
    "inscrito_id" => 381
    "titulo" => "ANALISANDO OS PRINCIPAIS FATORES QUE LEVAM ÀS MULHERES AO ELEVADO CONSUMO DE BENZODIAZEPÍNICOS NO CONTEXTO DE UMA REVISÃO INTEGRATIVA"
    "resumo" => "RESUMOOs benzodiazepínicos (BDZ) são largamente comercializados no Brasil, sendo a terceira classe de medicamentos mais utilizada e dentre os psicotrópicos são os mais prescritos pelos médicos. Estes fármacos atuam sobre a ansiedade e tensão e são denominados ansiolíticos. Seu elevado consumo como forma de automedicação durante a década de 80 levou as autoridades sanitárias a estabelecer, em 1993, o controle de suas prescrições e dispensações. Este estudo tem por objetivo analisar os principais motivos pelos quais as mulheres têm tendências a utilizar os benzodiazepínicos, além de mostrar as desvantagens do uso irracional dos BDZ. O método adotado foi um estudo descritivo exploratório, do tipo revisão integrativa, que consiste na elaboração de uma análise vasta da literatura, contribuindo para discussões sobre métodos e resultados de pesquisa, assim como reflexões sobre realização de futuros estudos. Um dos propósitos da Prática Baseada em Evidências (PBE) é encorajar a utilização de resultados de pesquisa junto à assistência à saúde prestada nos diversos níveis de atenção, reforçando a importância da pesquisa para a prática clínica. Para realização deste estudo foram utilizadas as fases propostas da revisão integrativa: 1) identificação da hipótese ou questão norteadora; 2) estabelecimento de critérios para seleção da amostra; 3) apresentação das características da pesquisa primária; 4) avaliação dos estudos; 5) discussão e interpretação dos resultados; 6) apresentação da revisão integrativa e síntese do conhecimento. Diante dos resultados, nos deparamos com diversos fatores que, após a categorização, destacamos: os fatores familiares, fatores sociais, fatores pessoais e fatores profissionais bem como a frequência constante das mulheres no serviço primário que acabam por pré-dispor ao consumo dos benzodiazepínicos de forma desnecessário e por tempo prolongado. Dessa forma concluiu-se que devem ser levados em consideração os riscos e benefícios para uma posterior utilização, sempre tendo em mente que o benefício terapêutico deve ser maior do que o risco. Sendo assim, os usuários devem buscar alternativas terapêuticas para encontrar soluções dos seus problemas e sintomas, e não apenas encobrir com medicamentos de ordem psicológica.  Palavras chave: benzodiazepínicos, terapêutica, desvantagem."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Psicologia"
    "palavra_chave" => "BENZODIAZEPÍNICOS, TERAPÊUTICA, DESVANTAGEM"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_24_03_2014_17_06_08_idinscrito_381_d2a9dba974f16702f97b4dfd935c294d.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:38"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ISADORA MOTA DE MOURA"
    "autor_nome_curto" => "ISADORA MOURA"
    "autor_email" => "isadora-mmoura@hotmail.co"
    "autor_ies" => "FVS- FACULDADE VALE DO SALGADO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 5266
    "edicao_id" => 17
    "trabalho_id" => 697
    "inscrito_id" => 381
    "titulo" => "ANALISANDO OS PRINCIPAIS FATORES QUE LEVAM ÀS MULHERES AO ELEVADO CONSUMO DE BENZODIAZEPÍNICOS NO CONTEXTO DE UMA REVISÃO INTEGRATIVA"
    "resumo" => "RESUMOOs benzodiazepínicos (BDZ) são largamente comercializados no Brasil, sendo a terceira classe de medicamentos mais utilizada e dentre os psicotrópicos são os mais prescritos pelos médicos. Estes fármacos atuam sobre a ansiedade e tensão e são denominados ansiolíticos. Seu elevado consumo como forma de automedicação durante a década de 80 levou as autoridades sanitárias a estabelecer, em 1993, o controle de suas prescrições e dispensações. Este estudo tem por objetivo analisar os principais motivos pelos quais as mulheres têm tendências a utilizar os benzodiazepínicos, além de mostrar as desvantagens do uso irracional dos BDZ. O método adotado foi um estudo descritivo exploratório, do tipo revisão integrativa, que consiste na elaboração de uma análise vasta da literatura, contribuindo para discussões sobre métodos e resultados de pesquisa, assim como reflexões sobre realização de futuros estudos. Um dos propósitos da Prática Baseada em Evidências (PBE) é encorajar a utilização de resultados de pesquisa junto à assistência à saúde prestada nos diversos níveis de atenção, reforçando a importância da pesquisa para a prática clínica. Para realização deste estudo foram utilizadas as fases propostas da revisão integrativa: 1) identificação da hipótese ou questão norteadora; 2) estabelecimento de critérios para seleção da amostra; 3) apresentação das características da pesquisa primária; 4) avaliação dos estudos; 5) discussão e interpretação dos resultados; 6) apresentação da revisão integrativa e síntese do conhecimento. Diante dos resultados, nos deparamos com diversos fatores que, após a categorização, destacamos: os fatores familiares, fatores sociais, fatores pessoais e fatores profissionais bem como a frequência constante das mulheres no serviço primário que acabam por pré-dispor ao consumo dos benzodiazepínicos de forma desnecessário e por tempo prolongado. Dessa forma concluiu-se que devem ser levados em consideração os riscos e benefícios para uma posterior utilização, sempre tendo em mente que o benefício terapêutico deve ser maior do que o risco. Sendo assim, os usuários devem buscar alternativas terapêuticas para encontrar soluções dos seus problemas e sintomas, e não apenas encobrir com medicamentos de ordem psicológica.  Palavras chave: benzodiazepínicos, terapêutica, desvantagem."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "Psicologia"
    "palavra_chave" => "BENZODIAZEPÍNICOS, TERAPÊUTICA, DESVANTAGEM"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_4datahora_24_03_2014_17_06_08_idinscrito_381_d2a9dba974f16702f97b4dfd935c294d.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:51"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:08:38"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ISADORA MOTA DE MOURA"
    "autor_nome_curto" => "ISADORA MOURA"
    "autor_email" => "isadora-mmoura@hotmail.co"
    "autor_ies" => "FVS- FACULDADE VALE DO SALGADO"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-conacis"
    "edicao_nome" => "Anais CONACIS"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional Ciências da Saúde"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conacis/2014"
    "edicao_logo" => "5e48b0ffd111d_16022020000327.png"
    "edicao_capa" => "5f183ea35f5aa_22072020102659.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-04-09 00:00:00"
    "publicacao_id" => 15
    "publicacao_nome" => "Revista CONACIS"
    "publicacao_codigo" => "2358-0186"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 09 de abril de 2014

Resumo

RESUMOOs benzodiazepínicos (BDZ) são largamente comercializados no Brasil, sendo a terceira classe de medicamentos mais utilizada e dentre os psicotrópicos são os mais prescritos pelos médicos. Estes fármacos atuam sobre a ansiedade e tensão e são denominados ansiolíticos. Seu elevado consumo como forma de automedicação durante a década de 80 levou as autoridades sanitárias a estabelecer, em 1993, o controle de suas prescrições e dispensações. Este estudo tem por objetivo analisar os principais motivos pelos quais as mulheres têm tendências a utilizar os benzodiazepínicos, além de mostrar as desvantagens do uso irracional dos BDZ. O método adotado foi um estudo descritivo exploratório, do tipo revisão integrativa, que consiste na elaboração de uma análise vasta da literatura, contribuindo para discussões sobre métodos e resultados de pesquisa, assim como reflexões sobre realização de futuros estudos. Um dos propósitos da Prática Baseada em Evidências (PBE) é encorajar a utilização de resultados de pesquisa junto à assistência à saúde prestada nos diversos níveis de atenção, reforçando a importância da pesquisa para a prática clínica. Para realização deste estudo foram utilizadas as fases propostas da revisão integrativa: 1) identificação da hipótese ou questão norteadora; 2) estabelecimento de critérios para seleção da amostra; 3) apresentação das características da pesquisa primária; 4) avaliação dos estudos; 5) discussão e interpretação dos resultados; 6) apresentação da revisão integrativa e síntese do conhecimento. Diante dos resultados, nos deparamos com diversos fatores que, após a categorização, destacamos: os fatores familiares, fatores sociais, fatores pessoais e fatores profissionais bem como a frequência constante das mulheres no serviço primário que acabam por pré-dispor ao consumo dos benzodiazepínicos de forma desnecessário e por tempo prolongado. Dessa forma concluiu-se que devem ser levados em consideração os riscos e benefícios para uma posterior utilização, sempre tendo em mente que o benefício terapêutico deve ser maior do que o risco. Sendo assim, os usuários devem buscar alternativas terapêuticas para encontrar soluções dos seus problemas e sintomas, e não apenas encobrir com medicamentos de ordem psicológica. Palavras chave: benzodiazepínicos, terapêutica, desvantagem.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.