Artigo Anais ABRALIC Internacional

ANAIS de Evento

ISSN: 2317-157X

Visualizações: 280
A ESCRAVA ISAURA CANTADA E (RE)CONTADA EM VERSOS: O INCENTIVO À LEITURA LITERÁRIA A PARTIR DOS DIÁLOGOS ENTRE O “CLÁSSICO” E O “POPULAR”

Publicado em 12 de julho de 2013

Resumo

Considerando a importância de desenvolvimento de práticas leitoras que estimulem o encontro entre o educando e o texto literário no âmbito escolar, este artigo, fruto de uma pesquisa bibliográfica e de uma intervenção didática realizada em sala de aula, apresenta como proposta de incentivo à prática da leitura literária, em sala de aula, o trabalho com a exploração das relações dialógicas existentes entre o clássico A Escrava Isaura, de Bernardo de Guimarães, e duas de suas versões em cordel. Destacando a necessidade de escolarização da literatura numa perspectiva de letramento literário e utilizando as relações intertextuais entre o erudito e o popular, este estudo tem como suporte teórico ideias defendidas por Soares (2001), Cosson (2009), Colomer (2007), Candido (2004), Jauss (1994), Genette (2010), Bakhtin (1997), Kristeva (1974), Dell’Isola (2007), Carvalhal (1986), Calvino (2007), Chartier (1995), Cavignac (2006), Abreu (2006; 2004), Marinho e Pinheiro (2012), entre outros.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.