Artigo Anais III CONBRACIS

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

1° FESTIVAL DE POESIA DOS USUÁRIOS DO CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL ÁLCOOL E OUTRAS DROGAS: A IMPORTÂNCIA DE OFICINAS TERAPÊUTICAS NO TRATAMENTO DE USUÁRIOS DE CAPS AD - UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

Palavra-chaves: CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL, POESIA, SAÚDE MENTAL Pôster (PO) AT-05: Saúde Mental Publicado em 13 de junho de 2018

Resumo

Segundo dados do Ministério da Saúde, 21% da população brasileira precisa ou precisará de atenção e atendimento em algum tipo de serviço em saúde mental. Dessas, 99% obtém resultados positivos com serviços extra-hospitalares, como ambulatórios, Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). O projeto de substituição dos hospitais psiquiátricos por uma rede aberta de serviços de atenção à saúde mental consolidou e qualificou os CAPS como instituições voltadas para atender usuários portadores de patologias mentais, a partir de serviços de acolhimento e atenção, manter e fortalecer os vínculos desses usuários com a família e com a sociedade, visando promover sua autonomia e cidadania. Para os problemas com uso de álcool e outras drogas, o serviço de referência é o CAPS AD, Centro de Atenção Psicossocial – álcool e drogas. No serviço de Atenção Psicossocial as oficinas Terapêuticas são vistas como espaços e estratégias de convivência que promovem o sentimento positivo de pertencimento a um grupo. Além de serem meios de expressão, de troca, de aprendizado e de construção de novas formas de ser. Desse modo, o presente trabalho tem como objetivo relatar experiências vividas no estágio da disciplina Saúde Mental prática, no CAPS AD do Município de Campina Grande-PB em março de 2018, principalmente no que se diz respeito a elaboração do: “1° Festival de Poesia Do CAPS AD”. Diante do exposto, conclui-se que as Oficinas terapêuticas podem ser bons dispositivos para a atuação dos profissionais do CAPS AD, ao lado de outros tipos de intervenções.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.