Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

O DISCURSO DE NEGAÇÃO DA HOMOFOBIA NA EDUCAÇÃO: NOTAS SOBRE FERRAMENTAS DE ANÁLISE

Palavra-chaves: HOMOFOBIA, ANÁLISE DO DISCURSO, EDUCAÇÃO, NEGAÇÃO Comunicação Oral (CO) GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação
"2017-12-20 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 37621
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 2407
    "inscrito_id" => 7826
    "titulo" => "O DISCURSO DE NEGAÇÃO DA HOMOFOBIA NA EDUCAÇÃO: NOTAS SOBRE FERRAMENTAS DE ANÁLISE"
    "resumo" => "Atualmente o Brasil tem sido vislumbrado no cenário mundial como um dos países que mais mata ou violenta pessoas que podem ser abraçadas pela sigla internacional LGBT. Ainda não existe uma lei que criminalize a homofobia. Enquanto isso, crimes e práticas de discriminação contra essas pessoas são registradas e talvez acreditadas pela maioria dos brasileiros como simples crime de agressão física ou injúria, retirando destes atos suas motivações fóbicas. A escola não está isenta de (re) produzir estas práticas homofóbicas e muitas vezes esses atos afastam ou impedem xs estudantes vítimas de homofobia a continuarem suas escolarizações. O presente artigo objetiva sugerir ferramentas analíticas para futuras pesquisas científicas que focalizam a homofobia nos espaços escolares. Para tanto, sustentamos a abordagem da Análise do Discurso para problematizar os discursos de negação que podem ser engendrados por diversos grupos sociais que atuam nas escolas brasileiras. Reiteramos que os discursos de negação da existência de práticas homofóbicas nas escolas públicas podem representar estratégias discursivas que sustentam a heteronormatividade e a heterossexualidade compulsória. Neste cenário, toda existência corporal desviante é alvo de atos discriminatórios."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação"
    "palavra_chave" => "HOMOFOBIA, ANÁLISE DO DISCURSO, EDUCAÇÃO, NEGAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA7_ID7826_11092017224123.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:22"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:08"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ELIELDER DE OLIVEIRA LIMA"
    "autor_nome_curto" => "ELIELDER LIMA"
    "autor_email" => "redleyle@hotmail.com"
    "autor_ies" => "0000"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 37621
    "edicao_id" => 77
    "trabalho_id" => 2407
    "inscrito_id" => 7826
    "titulo" => "O DISCURSO DE NEGAÇÃO DA HOMOFOBIA NA EDUCAÇÃO: NOTAS SOBRE FERRAMENTAS DE ANÁLISE"
    "resumo" => "Atualmente o Brasil tem sido vislumbrado no cenário mundial como um dos países que mais mata ou violenta pessoas que podem ser abraçadas pela sigla internacional LGBT. Ainda não existe uma lei que criminalize a homofobia. Enquanto isso, crimes e práticas de discriminação contra essas pessoas são registradas e talvez acreditadas pela maioria dos brasileiros como simples crime de agressão física ou injúria, retirando destes atos suas motivações fóbicas. A escola não está isenta de (re) produzir estas práticas homofóbicas e muitas vezes esses atos afastam ou impedem xs estudantes vítimas de homofobia a continuarem suas escolarizações. O presente artigo objetiva sugerir ferramentas analíticas para futuras pesquisas científicas que focalizam a homofobia nos espaços escolares. Para tanto, sustentamos a abordagem da Análise do Discurso para problematizar os discursos de negação que podem ser engendrados por diversos grupos sociais que atuam nas escolas brasileiras. Reiteramos que os discursos de negação da existência de práticas homofóbicas nas escolas públicas podem representar estratégias discursivas que sustentam a heteronormatividade e a heterossexualidade compulsória. Neste cenário, toda existência corporal desviante é alvo de atos discriminatórios."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 07 - Gênero, Sexualidade e Educação"
    "palavra_chave" => "HOMOFOBIA, ANÁLISE DO DISCURSO, EDUCAÇÃO, NEGAÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV073_MD1_SA7_ID7826_11092017224123.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:22"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:28:08"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ELIELDER DE OLIVEIRA LIMA"
    "autor_nome_curto" => "ELIELDER LIMA"
    "autor_email" => "redleyle@hotmail.com"
    "autor_ies" => "0000"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONEDU"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2017"
    "edicao_logo" => "5e4a048a72ec9_17022020001210.jpg"
    "edicao_capa" => "5f18486b9c352_22072020110843.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-12-20 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Atualmente o Brasil tem sido vislumbrado no cenário mundial como um dos países que mais mata ou violenta pessoas que podem ser abraçadas pela sigla internacional LGBT. Ainda não existe uma lei que criminalize a homofobia. Enquanto isso, crimes e práticas de discriminação contra essas pessoas são registradas e talvez acreditadas pela maioria dos brasileiros como simples crime de agressão física ou injúria, retirando destes atos suas motivações fóbicas. A escola não está isenta de (re) produzir estas práticas homofóbicas e muitas vezes esses atos afastam ou impedem xs estudantes vítimas de homofobia a continuarem suas escolarizações. O presente artigo objetiva sugerir ferramentas analíticas para futuras pesquisas científicas que focalizam a homofobia nos espaços escolares. Para tanto, sustentamos a abordagem da Análise do Discurso para problematizar os discursos de negação que podem ser engendrados por diversos grupos sociais que atuam nas escolas brasileiras. Reiteramos que os discursos de negação da existência de práticas homofóbicas nas escolas públicas podem representar estratégias discursivas que sustentam a heteronormatividade e a heterossexualidade compulsória. Neste cenário, toda existência corporal desviante é alvo de atos discriminatórios.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.