Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 165
CLIMA E DENGUE EM RECIFE - PE: CONSTRUÇÃO DE UM CLIMOGRAMA LÚDICO COMO RECUSO DIDÁTICO PARA AULAS DE GEOGRAFIA

Palavra-chaves: CLIMA, DENGUE, CLIMOGRAMA LÚDICO Pôster (PO) GT 17 – Ensino e suas interseções

Resumo

O presente trabalho traça uma relação entre os elementos climáticos de precipitação e temperatura com os casos de notificação de dengue na cidade do Recife – PE. Para tanto, foi delimitada uma escala temporal de 12 anos, 2000 à 2012 e coletado os dados utilizados no estudo para cada ano. Os dados dos elementos climáticos foram obtidos através do Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa (BDMEP), vinculado ao Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), já as séries históricas quantitativas dos casos de notificação por dengue foram obtidos através do Sistema Nacional de Agravos e Notificação (SINAN) vinculado ao Ministério da Saúde, e da Gerência de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde da Cidade do Recife. Através da análise dos dados, verificou-se que os maiores índices pluviométricos encontram-se nos primeiros semestres de cada ano e mostram-se, de maneira significativa, mais altas que as do segundo semestre dos mesmos anos. Paralelamente, os picos de dengue estão, em média, nos três meses posteriores. Os resultados obtidos através do trabalho foram levados a uma turma do 7° ano do ensino fundamental, a fim de verificar o nível de conhecimento dos alunos sobre os fatores de proliferação da dengue. Os alunos, separados em duplas, montaram o climograma lúdico, feito em madeira e metal, em seguida fizeram a leitura e interpretação do mesmo. Inicialmente, não souberam relacionar os dados climáticos com os números de notificação por dengue, fazendo apenas a leitura do período mais chuvoso e com temperaturas mais elevadas. As duplas seguintes fizeram uma análise mais completa, relacionando os elementos climáticos com as notificações de dengue. Por fim, a turma concluiu que o clima é um forte fator contribuinte para a reprodução e disseminação do vetor da dengue, o Aedes aegypti.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.