Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

SEQUÊNCIA DIDÁTICA: RETEXTUALIZANDO MÚSICA E NARRATIVA

Palavra-chaves: LÍNGUA PORTUGUESA, GÊNEROS TEXTUAIS, RETEXTUALIZAÇÃO, MÚSICA, MÚSICA Comunicação Oral (CO) GT09-GÊNEROS TEXTUAIS E FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE LÍNGUA MATERNA: O AGIR DOCENTE POR MEIO DAS SEQUÊNCIAS DIDÁTICAS Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

Resumo: Este estudo objetiva apresentar uma sequência didática com os gêneros textuais música e narrativa. Como pressupostos teóricos, emprega-se os estudos de Dolz, Scheneuwly e Noverrraz (2004), bem como, as atividades de retextualização de textos apresentadas nos estudos de Marcuschi (2001), Matêncio (2003) e Dell’Isola (2007). Como aporte metodológico utiliza-se a pesquisa qualitativa de caráter descritivo-interpretativista. A sequência será direcionada aos alunos do 5º ano do ensino fundamental e pretende, dentre outros objetivos: refletir sobre a qualidade da música ofertada, atualmente, para a maioria da população; conhecer as características principais de músicas nordestinas; apreciar algumas músicas do compositor Flávio José; discutir temáticas apresentadas, por alguns compositores, em relação à música popular brasileira; conhecer a linguagem utilizada nas músicas regionais; compreender o processo de retextualização de um texto, ou seja, o processo de transformação de um texto em outro, a partir da leitura de um ou mais textos-base; produzir uma narrativa a partir da leitura, escuta e interpretação das músicas estudadas com a turma; conhecer as características, estrutura, funcionalidade e estilo do gênero narrativa. A sequência didática será desenvolvida em quatro etapas: apresentação da situação, produção inicial, módulos e produção final. Na apresentação da situação, serão desenvolvidas estratégias que conduzam os alunos a analisarem as letras de músicas que retratam o nordeste. Dessa forma, serão realizadas leituras, exibições de vídeos, rodas de conversa e reflexões sobre a qualidade das letras das músicas do compositor Flávio José. Na segunda fase da sequência, ocorrerão as orientações sobre como os alunos deverão proceder no momento da retextualização e será iniciado o processo de produção do texto inicial. Nesta etapa, analisar-se-á as habilidades que os alunos já desenvolveram e as que ainda precisam desenvolver. Após a análise das produções iniciais, os módulos serão desenvolvidos. Nestes, pretende-se trabalhar com as características da narrativa, seus aspectos textuais e linguísticos, as características e a estrutura, de modo que, o aluno se torne capaz de lidar com os conhecimentos prévios, associando-os à variedade de descobertas e com o que se pode aprender, superando as dificuldades apresentadas anteriormente. Na última etapa, a produção final, é o momento em que se espera que os alunos tenham incorporado aspectos relacionados à retextualização, ao domínio das especificidades do gênero narrativa, além das aprendizagens desenvolvidas durante os módulos. É o momento também de avaliarmos o trabalho desenvolvido, refletirmos sobre o processo de ensino-aprendizagem, dialogando com os objetivos propostos, além de observarmos a prática pedagógica como construção de mudança, no que se refere às aprendizagens desenvolvidas pelos alunos.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.