Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

O PAPEL DO TEXTO MULTIMODAL NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA

Palavra-chaves: MULTIMODALIDADE, MULTILETRAMENTO, ENSINO, LÍNGUA PORTUGUESA Comunicação Oral (CO) GT10-HIPERTEXTO E MULTIMODALIDADE: NOVAS PRÁTICAS DE LEITURA E ESCRITA
"2017-04-27 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1638
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 27529
    "edicao_id" => 57
    "trabalho_id" => 187
    "inscrito_id" => 476
    "titulo" => "O PAPEL DO TEXTO MULTIMODAL NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA"
    "resumo" => ": O presente trabalho contem o resultado de pesquisa bibliográfica com o objetivo de investigar o motivo pelo qual os textos multimodais, tão fortemente presentes nos jornais e revistas do mundo inteiro e também do Brasil, quase não existem nas aulas de língua materna. O texto multimodal, também presente nos manuais de montagem  e em bulas  de medicamentos, é o que se compõe de, pelo menos, duas formas de comunicação: a imagem e o (texto) escrito, mas pode ser integrado por outros componentes como som, fala, movimentos gestuais, entre outros. Segundo Ribeiro (2016), o texto multimodal por excelência é o jornalístico. Para a autora, a leitura de   gráficos, fundamental para a compreensão de uma  série de informações no mundo, hoje quase não existe nas aulas de língua portuguesa. Embora reconheça que há pesquisas  bastante significativas no campo dos gêneros  textuais no Brasil, Dionísio (2006) lamenta que a multimodalidade da escrita ainda seja uma área  carente de investigação. O texto refere-se também a letramento/multiletramento, que são aspectos relevantes a serem considerados ao lado do texto multimodal. Presentes especialmente na internet, os multiletramentos  enriquecem a comunicação à qual atribuem caráter social. O trabalho aborda, ainda, aspectos legais e de documentos parametrizadores como os PCNs  e as OCNEMs. A lei de diretrizes e bases (LDB) da educação brasileira é a Lei   nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, alterada parcialmente por dispositivos posteriores. Como o próprio nome diz, a LDB dita as diretrizes e as bases da organização do sistema educacional brasileiro. Conhecida popularmente como Lei Darcy Ribeiro, a nossa LDB compõe-se  de  92 artigos que versam sobre os mais diversos  temas  da educação brasileira, do ensino infantil ao superior. Com base em pesquisa bibliográfica na qual se destacam teorias de estudiosos como Dionísio(2012), Ribeiro(2016) e Rojo e Moura (2016), entre outros, o presente artigo conclui que a falta de recursos financeiros, tecnológicos, humanos e a ausência de políticas públicas sobre educação e ensino constituem o maior entrave ao fortalecimento da qualidade do ensino brasileiro e, por conseguinte, à introdução nas aulas de língua materna de elementos como multimodalidade, letramento/multiletramento."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT10-HIPERTEXTO E MULTIMODALIDADE: NOVAS PRÁTICAS DE LEITURA E ESCRITA"
    "palavra_chave" => "MULTIMODALIDADE, MULTILETRAMENTO, ENSINO, LÍNGUA PORTUGUESA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV066_MD1_SA10_ID476_12032017191254.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:13"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:56:12"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "JOSÉ VENANCIO DE SOUSA NETO"
    "autor_nome_curto" => "JOSÉ VENANCIO"
    "autor_email" => "jvenancioneto@yahoo.com.b"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-sinalge"
    "edicao_nome" => "Anais IV SINALGE"
    "edicao_evento" => "IV Simpósio Nacional de Linguagens e Gêneros Textuais"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/sinalge/2017"
    "edicao_logo" => "5e4d8586dda3e_19022020155918.png"
    "edicao_capa" => "5f1880a141ece_22072020150833.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-04-27 00:00:00"
    "publicacao_id" => 35
    "publicacao_nome" => "Anais SINALGE"
    "publicacao_codigo" => "2527-0028"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 27529
    "edicao_id" => 57
    "trabalho_id" => 187
    "inscrito_id" => 476
    "titulo" => "O PAPEL DO TEXTO MULTIMODAL NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA"
    "resumo" => ": O presente trabalho contem o resultado de pesquisa bibliográfica com o objetivo de investigar o motivo pelo qual os textos multimodais, tão fortemente presentes nos jornais e revistas do mundo inteiro e também do Brasil, quase não existem nas aulas de língua materna. O texto multimodal, também presente nos manuais de montagem  e em bulas  de medicamentos, é o que se compõe de, pelo menos, duas formas de comunicação: a imagem e o (texto) escrito, mas pode ser integrado por outros componentes como som, fala, movimentos gestuais, entre outros. Segundo Ribeiro (2016), o texto multimodal por excelência é o jornalístico. Para a autora, a leitura de   gráficos, fundamental para a compreensão de uma  série de informações no mundo, hoje quase não existe nas aulas de língua portuguesa. Embora reconheça que há pesquisas  bastante significativas no campo dos gêneros  textuais no Brasil, Dionísio (2006) lamenta que a multimodalidade da escrita ainda seja uma área  carente de investigação. O texto refere-se também a letramento/multiletramento, que são aspectos relevantes a serem considerados ao lado do texto multimodal. Presentes especialmente na internet, os multiletramentos  enriquecem a comunicação à qual atribuem caráter social. O trabalho aborda, ainda, aspectos legais e de documentos parametrizadores como os PCNs  e as OCNEMs. A lei de diretrizes e bases (LDB) da educação brasileira é a Lei   nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, alterada parcialmente por dispositivos posteriores. Como o próprio nome diz, a LDB dita as diretrizes e as bases da organização do sistema educacional brasileiro. Conhecida popularmente como Lei Darcy Ribeiro, a nossa LDB compõe-se  de  92 artigos que versam sobre os mais diversos  temas  da educação brasileira, do ensino infantil ao superior. Com base em pesquisa bibliográfica na qual se destacam teorias de estudiosos como Dionísio(2012), Ribeiro(2016) e Rojo e Moura (2016), entre outros, o presente artigo conclui que a falta de recursos financeiros, tecnológicos, humanos e a ausência de políticas públicas sobre educação e ensino constituem o maior entrave ao fortalecimento da qualidade do ensino brasileiro e, por conseguinte, à introdução nas aulas de língua materna de elementos como multimodalidade, letramento/multiletramento."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT10-HIPERTEXTO E MULTIMODALIDADE: NOVAS PRÁTICAS DE LEITURA E ESCRITA"
    "palavra_chave" => "MULTIMODALIDADE, MULTILETRAMENTO, ENSINO, LÍNGUA PORTUGUESA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV066_MD1_SA10_ID476_12032017191254.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:13"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:56:12"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "JOSÉ VENANCIO DE SOUSA NETO"
    "autor_nome_curto" => "JOSÉ VENANCIO"
    "autor_email" => "jvenancioneto@yahoo.com.b"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-sinalge"
    "edicao_nome" => "Anais IV SINALGE"
    "edicao_evento" => "IV Simpósio Nacional de Linguagens e Gêneros Textuais"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/sinalge/2017"
    "edicao_logo" => "5e4d8586dda3e_19022020155918.png"
    "edicao_capa" => "5f1880a141ece_22072020150833.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-04-27 00:00:00"
    "publicacao_id" => 35
    "publicacao_nome" => "Anais SINALGE"
    "publicacao_codigo" => "2527-0028"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

: O presente trabalho contem o resultado de pesquisa bibliográfica com o objetivo de investigar o motivo pelo qual os textos multimodais, tão fortemente presentes nos jornais e revistas do mundo inteiro e também do Brasil, quase não existem nas aulas de língua materna. O texto multimodal, também presente nos manuais de montagem e em bulas de medicamentos, é o que se compõe de, pelo menos, duas formas de comunicação: a imagem e o (texto) escrito, mas pode ser integrado por outros componentes como som, fala, movimentos gestuais, entre outros. Segundo Ribeiro (2016), o texto multimodal por excelência é o jornalístico. Para a autora, a leitura de gráficos, fundamental para a compreensão de uma série de informações no mundo, hoje quase não existe nas aulas de língua portuguesa. Embora reconheça que há pesquisas bastante significativas no campo dos gêneros textuais no Brasil, Dionísio (2006) lamenta que a multimodalidade da escrita ainda seja uma área carente de investigação. O texto refere-se também a letramento/multiletramento, que são aspectos relevantes a serem considerados ao lado do texto multimodal. Presentes especialmente na internet, os multiletramentos enriquecem a comunicação à qual atribuem caráter social. O trabalho aborda, ainda, aspectos legais e de documentos parametrizadores como os PCNs e as OCNEMs. A lei de diretrizes e bases (LDB) da educação brasileira é a Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, alterada parcialmente por dispositivos posteriores. Como o próprio nome diz, a LDB dita as diretrizes e as bases da organização do sistema educacional brasileiro. Conhecida popularmente como Lei Darcy Ribeiro, a nossa LDB compõe-se de 92 artigos que versam sobre os mais diversos temas da educação brasileira, do ensino infantil ao superior. Com base em pesquisa bibliográfica na qual se destacam teorias de estudiosos como Dionísio(2012), Ribeiro(2016) e Rojo e Moura (2016), entre outros, o presente artigo conclui que a falta de recursos financeiros, tecnológicos, humanos e a ausência de políticas públicas sobre educação e ensino constituem o maior entrave ao fortalecimento da qualidade do ensino brasileiro e, por conseguinte, à introdução nas aulas de língua materna de elementos como multimodalidade, letramento/multiletramento.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Comentários

Por que meu comentário não aparece?
  • Terezinha dos Santos Rodrigues de Camargo

    É bom estudar,eu gosto muito.

    28/09/2021 22:31:03

Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.