Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

DISCURSOS SOBRE O USO DE CITAÇÕES NA ESCRITA DE TEXTOS CIENTÍFICOS E IMPLICAÇÕES NAS PRÁTICAS ACADÊMICAS

Palavra-chaves: DISCURSO, CITAÇÕES, ENSINO Comunicação Oral (CO) GT16-GÊNEROS DISCURSIVO E/OU TEXTUAL: ENSINO/APRENDIZAGEM Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

Este trabalho constitui um recorte de nossa pesquisa de doutoramento, intitulada "Dialogismo e construção da voz autoral na escrita do texto científico de jovens pesquisadores", na qual investigamos a voz autoral do jovem pesquisador (no caso, o estudante de mestrado) na escrita do texto acadêmico-científico, mais especificamente do artigo científico. No percurso teórico-analítico do desenvolvimento da referida pesquisa, demo-nos conta da necessidade de problematizarmos discursos sobre o uso de citações em textos científicos que emergem da/na esfera acadêmico-científica e discutimos implicações desses discursos sobre a produção e as práticas de ensino e de orientação de textos acadêmico-científicas. Fundamentados na concepção dialógica da linguagem do Círculo de Bakhtin segundo a qual os valores ideológicos constituem a linguagem humana, em estudos sobre o letramento acadêmico e escrita científica em perspectiva retórica, enunciativa e discursiva, este trabalho examina posicionamentos valorativos em discursos (especialmente de manuais de metodologia do trabalho científico e de redação científica) sobre o uso de citações na escrita de textos científicos e discute algumas de suas implicações nas práticas acadêmico-científicas. Nossa leitura aponta para a importância de olharmos criticamente para discursos e práticas que colaboram para potencializar as dificuldades que estudantes de mestrado, jovens pesquisadores, enfrentam quando confrontados com a necessidade de estabelecerem diálogo com autores e de usarem fontes, fazendo citações adequadas e de modo pertinente, na escrita científica. Nossas conclusões procuram suscitar um olhar de mais sensibilidade de professores e orientadores para com o estudante que se inicia na escrita do texto científico, procurando entender que é preciso considerar tanto a sua condição de sujeito-pesquisador em formação na e para a pesquisa científica e que, paulatinamente, vai se familiarizando com o fazer científico e com as convenções de escrita de textos da esfera acadêmica, quanto a possibilidade de, em nossas aulas de disciplinas como produção textual, redação científica e escrita acadêmica, propormos estratégias que visem a colaborar para potencializar essa familiarização.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.