Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

A LEITURA DAS IMAGENS NAS NARRATIVAS VISUAIS E SEU PAPEL NA FORMAÇÃO LEITORA DAS CRIANÇAS

Palavra-chaves: NARRATIVAS VISUAIS, IMAGENS, LEITURA, LITERATURA INFANTIL Comunicação Oral (CO) GT17-LITERATURA INFANTOJUVENIL E DIVERSIDADE DE GÊNEROS LITERÁRIOS
"2017-04-27 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 27167
    "edicao_id" => 57
    "trabalho_id" => 227
    "inscrito_id" => 1148
    "titulo" => "A LEITURA DAS IMAGENS NAS NARRATIVAS VISUAIS E SEU PAPEL NA FORMAÇÃO LEITORA DAS CRIANÇAS"
    "resumo" => "A formação da proficiência leitora ainda é um dos grandes desafios da educação brasileira. Cada vez mais frequentemente, constata-se que capacidades leitoras básicas e fundamentais não têm caracterizado a prática de leitura dos estudantes, situação que é ainda mais grave quando envolve a interpretação de imagens. Entretanto, a leitura de textos visuais pode e deve ser fomentada desde muito cedo, fundamentada na abordagem dos livros literários infantis ilustrados, nos quais a linguagem visual é muito presente, ocupando lugar de destaque. No universo literário dirigido às crianças, há, em número cada vez mais expressivo, obras cujo conteúdo é expresso somente através de imagens, prescindindo-se das palavras. Tais obras, denominadas de narrativas por imagens, por essa peculiaridade, demandam uma competente leitura do texto visual, sob pena de não ocorrer a construção de sentidos pelo leitor. Hoje, elas compõem uma fatia significativa da produção literária infantil no mercado editorial brasileiro, no entanto, ainda se constata a pouca recorrência e/ou a inadequação de sua leitura nas instituições de Educação Infantil e Ensino Fundamental I. Considerando que a atribuição de sentidos ao texto imagético numa narrativa, especialmente quando ela é exclusivamente visual, vai depender das relações e identificações que o leitor for capaz de efetuar, construindo, por meio da percepção e da imaginação, os sentidos facultados pelo texto de imagens, e que essa capacidade precisa ser formada nele como decorrência da intervenção de um leitor-mediador mais experiente, com fundamento nos estudos de Salisbury e Styles (2013), Castanha (2008), Lima (2009), Ramos (2011), Van der Linden (2011), Nikolajeva e Scott (2011), Paiva e Ramos (2016), entre outros, o trabalho objetiva principalmente, a partir de exemplos de diferentes narrativas por imagens, refletir sobre a relevância de sua leitura nos anos escolares iniciais, contemplando a caracterização do gênero, a relevância da leitura competente do texto visual que o constitui e as possibilidades que, por meio do artístico, estético e lúdico, ele abre à formação da competência leitora das crianças."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT17-LITERATURA INFANTOJUVENIL E DIVERSIDADE DE GÊNEROS LITERÁRIOS"
    "palavra_chave" => "NARRATIVAS VISUAIS, IMAGENS, LEITURA, LITERATURA INFANTIL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV066_MD1_SA17_ID1148_14032017083303.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:13"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:56:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "FABÍOLA CORDEIRO DE VASCONCELOS"
    "autor_nome_curto" => "FABÍOLA"
    "autor_email" => "fabiolacordeiro@uol.com.b"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-sinalge"
    "edicao_nome" => "Anais IV SINALGE"
    "edicao_evento" => "IV Simpósio Nacional de Linguagens e Gêneros Textuais"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/sinalge/2017"
    "edicao_logo" => "5e4d8586dda3e_19022020155918.png"
    "edicao_capa" => "5f1880a141ece_22072020150833.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-04-27 00:00:00"
    "publicacao_id" => 35
    "publicacao_nome" => "Anais SINALGE"
    "publicacao_codigo" => "2527-0028"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 27167
    "edicao_id" => 57
    "trabalho_id" => 227
    "inscrito_id" => 1148
    "titulo" => "A LEITURA DAS IMAGENS NAS NARRATIVAS VISUAIS E SEU PAPEL NA FORMAÇÃO LEITORA DAS CRIANÇAS"
    "resumo" => "A formação da proficiência leitora ainda é um dos grandes desafios da educação brasileira. Cada vez mais frequentemente, constata-se que capacidades leitoras básicas e fundamentais não têm caracterizado a prática de leitura dos estudantes, situação que é ainda mais grave quando envolve a interpretação de imagens. Entretanto, a leitura de textos visuais pode e deve ser fomentada desde muito cedo, fundamentada na abordagem dos livros literários infantis ilustrados, nos quais a linguagem visual é muito presente, ocupando lugar de destaque. No universo literário dirigido às crianças, há, em número cada vez mais expressivo, obras cujo conteúdo é expresso somente através de imagens, prescindindo-se das palavras. Tais obras, denominadas de narrativas por imagens, por essa peculiaridade, demandam uma competente leitura do texto visual, sob pena de não ocorrer a construção de sentidos pelo leitor. Hoje, elas compõem uma fatia significativa da produção literária infantil no mercado editorial brasileiro, no entanto, ainda se constata a pouca recorrência e/ou a inadequação de sua leitura nas instituições de Educação Infantil e Ensino Fundamental I. Considerando que a atribuição de sentidos ao texto imagético numa narrativa, especialmente quando ela é exclusivamente visual, vai depender das relações e identificações que o leitor for capaz de efetuar, construindo, por meio da percepção e da imaginação, os sentidos facultados pelo texto de imagens, e que essa capacidade precisa ser formada nele como decorrência da intervenção de um leitor-mediador mais experiente, com fundamento nos estudos de Salisbury e Styles (2013), Castanha (2008), Lima (2009), Ramos (2011), Van der Linden (2011), Nikolajeva e Scott (2011), Paiva e Ramos (2016), entre outros, o trabalho objetiva principalmente, a partir de exemplos de diferentes narrativas por imagens, refletir sobre a relevância de sua leitura nos anos escolares iniciais, contemplando a caracterização do gênero, a relevância da leitura competente do texto visual que o constitui e as possibilidades que, por meio do artístico, estético e lúdico, ele abre à formação da competência leitora das crianças."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT17-LITERATURA INFANTOJUVENIL E DIVERSIDADE DE GÊNEROS LITERÁRIOS"
    "palavra_chave" => "NARRATIVAS VISUAIS, IMAGENS, LEITURA, LITERATURA INFANTIL"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV066_MD1_SA17_ID1148_14032017083303.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:13"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:56:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "FABÍOLA CORDEIRO DE VASCONCELOS"
    "autor_nome_curto" => "FABÍOLA"
    "autor_email" => "fabiolacordeiro@uol.com.b"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-sinalge"
    "edicao_nome" => "Anais IV SINALGE"
    "edicao_evento" => "IV Simpósio Nacional de Linguagens e Gêneros Textuais"
    "edicao_ano" => 2017
    "edicao_pasta" => "anais/sinalge/2017"
    "edicao_logo" => "5e4d8586dda3e_19022020155918.png"
    "edicao_capa" => "5f1880a141ece_22072020150833.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2017-04-27 00:00:00"
    "publicacao_id" => 35
    "publicacao_nome" => "Anais SINALGE"
    "publicacao_codigo" => "2527-0028"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 27 de abril de 2017

Resumo

A formação da proficiência leitora ainda é um dos grandes desafios da educação brasileira. Cada vez mais frequentemente, constata-se que capacidades leitoras básicas e fundamentais não têm caracterizado a prática de leitura dos estudantes, situação que é ainda mais grave quando envolve a interpretação de imagens. Entretanto, a leitura de textos visuais pode e deve ser fomentada desde muito cedo, fundamentada na abordagem dos livros literários infantis ilustrados, nos quais a linguagem visual é muito presente, ocupando lugar de destaque. No universo literário dirigido às crianças, há, em número cada vez mais expressivo, obras cujo conteúdo é expresso somente através de imagens, prescindindo-se das palavras. Tais obras, denominadas de narrativas por imagens, por essa peculiaridade, demandam uma competente leitura do texto visual, sob pena de não ocorrer a construção de sentidos pelo leitor. Hoje, elas compõem uma fatia significativa da produção literária infantil no mercado editorial brasileiro, no entanto, ainda se constata a pouca recorrência e/ou a inadequação de sua leitura nas instituições de Educação Infantil e Ensino Fundamental I. Considerando que a atribuição de sentidos ao texto imagético numa narrativa, especialmente quando ela é exclusivamente visual, vai depender das relações e identificações que o leitor for capaz de efetuar, construindo, por meio da percepção e da imaginação, os sentidos facultados pelo texto de imagens, e que essa capacidade precisa ser formada nele como decorrência da intervenção de um leitor-mediador mais experiente, com fundamento nos estudos de Salisbury e Styles (2013), Castanha (2008), Lima (2009), Ramos (2011), Van der Linden (2011), Nikolajeva e Scott (2011), Paiva e Ramos (2016), entre outros, o trabalho objetiva principalmente, a partir de exemplos de diferentes narrativas por imagens, refletir sobre a relevância de sua leitura nos anos escolares iniciais, contemplando a caracterização do gênero, a relevância da leitura competente do texto visual que o constitui e as possibilidades que, por meio do artístico, estético e lúdico, ele abre à formação da competência leitora das crianças.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.