Artigo Anais ABRALIC

ANAIS de Evento

ISSN: 2317-157X

Visualizações: 190
DOIS POETAS, DUAS VISÕES DE MUNDO UM ESTUDO COMPARATIVO

Resumo

Este estudo pretende trabalhar a poiesis de Manoel de Barros e Fernando Pessoa (Alberto Caieiro), para detectar como o poeta brasileiro e o poeta português representam a natureza e aquilo que ela engloba, como plantas, animais, campo, cidade, acidentes geográficos, entre outros. A Literatura Comparada, emergindo de uma tentativa de projetar os estudos literários de um contexto nacional para um contexto internacional, expande a análise. Usarei um procedimento ecocrítico que aclara os dados da análise comparativa, permeada pelos Estudos Culturais, a Interdisciplinaridade e a Semiótica, e um referencial teórico, baseado em autores como Garrard (2006), Bosi (2000), Guattari (2005), Santaella (2003), Williams (2011), Kaiser (1980), Dolezel (1990), entre outros, o que permitirá captar os efeitos da poiesis no meio ambiente e congêneres, vistos comparativamente.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.