Artigo Anais V ENID & III ENFOPROF / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

Visualizações: 224
A CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE PROFISSIONAL DE UM PROFESSOR HOMEM: A ESCOLHA DO MAGISTÉRIO ATÉ HOJE ENSINANDO A CRIANÇAS

Palavra-chaves: NARRATIVAS AUTOBIOGRÁFICAS, MAGISTÉRIO, PROFESSOR HOMEM Comunicação Oral (CO) Formação Docente: Saberes, Sujeitos e Práticas Publicado em 21 de agosto de 2015

Resumo

O presente artigo objetiva refletir sobre as Narrativas Autobiográficas do processo de construção da identidade docente de um professor homem que atua nos anos iniciais do ensino fundamental no intuito de narrar o caminho traçado por ele vivenciado no dia a dia, desde a escolha do magistério, até a sua atuação profissional hoje configurada como profissional da educação. Logo, a partir das narrativas construídas por este professor homem ficou registrado a história de vida vivenciada durante todo o tempo desde a escolha do magistério até o exercício da docência. Percebem-se na narrativa os desafios encontrados para a construção da identidade docente. Desafios estes que foram superados com garra, força e determinação em acreditar no potencial, na capacidade, no desempenho de vencer preconceitos, discriminações por fazer parte de uma profissão tipicamente feminina. Assim, este trabalho traz para o campo da educação registros de vidas de professores homens que conquistaram seu espaço profissional na labuta do dia a dia vivendo, amando, aprendendo, ensinando, transgredindo, registrando a sua história com honra, esmero, brilho e consciência da importância que temos para a construção de uma sociedade, uma escola, uma educação mais justa, igualitárias, equânime, solidária que esteja a serviço de todos (as) sem exclusão. Logo, marcas eternas que fez desse professore homem autor da sua própria história.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.