Artigo Anais X CONAGES

ANAIS de Evento

ISSN: 2177-4781

Visualizações: 222
A IDEALIZAÇÃO DO FEMININO "NORTISTA" NAS PÁGINAS DA REVISTA P'RA VOCÊ.

Palavra-chaves: REVISTA, ESTEIRÓTIPO, FEMININO Comunicação Oral (CO) Mídias, discursos e questões de gênero

Resumo

Esta Comunicação Oral objetiva apresentar como a cidade do Recife, capital do estado de Pernambuco, tornou-se um referencial de modernidade no inicio do século XX. Devido à reforma urbana ocorrida, semelhante às de cidades europeias como Paris, o Recife foi alvo de uma modernização dos costumes, tendo sido receptáculo de discursos de modernidade advindos da Europa e dos Estados Unidos que motivavam a transformação de um jeito tradicional de ser a uma “efervescência” social da inovação, do inusitado, dos aparatos modernos. Neste contexto surge, em fevereiro de 1930, o periódico P’ra Você, que publicou matérias sobre vida social, cultura, moda, arte e literatura todas com o intento de apresentar à sociedade recifense as últimas novidades referentes a estes aspectos culturais. A metodologia da pesquisa utiliza as fontes enquanto representações de uma realidade específica (no caso, as construções identitárias femininas e as elites recifenses na década de 1930) que se facetam em múltiplos sentidos para o público leitor da revista. O objetivo desta pesquisa, portanto, é investigar como a P’ra Você apresenta uma imagem feminina “ideal” a partir da indumentária e dos estereótipos retratados em suas páginas, projetando, desta feita, um rosto para a tida “mulher moderna” no Recife, ao passo que se torne possível compreender certas mudanças cotidianas e de costumes nas práticas do “bem vestir”, na década de 1930.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.