Artigo Anais IV SINALGE

ANAIS de Evento

ISSN: 2527-0028

Visualizações: 175
A HORTA ESCOLAR: POSSIBILIDADES PARA TRABALHAR O LETRAMENTO COM EDUCANDOS DO 5º ANO DE UMA ESCOLA DA REDE PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE PARINTINS-AM

Palavra-chaves: LETRAMENTO, PROJETOS PEDAGÓGICOS, HORTA ESCOLAR Comunicação Oral (CO) GT18-LITERATURA NA ESCOLA: ENSINO E PESQUISA

Resumo

Quando se reflete sobre o Ensino de Língua Portuguesa na contemporaneidade, observa-se uma apreensão crescente entre professores e coordenadores pedagógicos referentes ao desafio de trabalhar estratégias mais eficazes que propiciem aos educandos a capacidade para ler e escrever de forma proficiente em diferentes contextos, haja vista o preocupante aumento no número de crianças que chegam ao 5º ano do Ensino Fundamental sem estarem sequer alfabetizadas. Na busca de novas metodologias de ensino voltadas para esta etapa de escolaridade buscou-se investigar possibilidades para trabalhar a prática do letramento a partir do Projeto Horta Escolar realizado em uma escola pública do município de Parintins-AM, região do Baixo Amazonas. Como arcabouço teórico utiliza-se os estudos de: Jolibert (2006), Micotti (2009), Marcuschi (2010), Tinoco (2013) e outros que versam sobre o tema. A presente pesquisa é de natureza qualitativa com enfoque dialético e tem como método de procedimento o estudo de campo realizado em uma escola estadual que desenvolve o projeto “Horta Escolar” a partir do quadro de oficinas do Programa Mais Educação (PMEd). As coletas de dados foram obtidas por meio da observação participante e entrevistas semiestruturadas com a monitora do projeto “Horta Escolar”, 1 (um) professor da disciplina Língua Portuguesa que atua no 5º ano do Ensino Fundamental e 4 (quatro) educandos da turma observada. O percurso investigativo demonstrou que foi possível perceber nas atividades realizadas no projeto pelos educandos, algumas possibilidades para desenvolver a prática do letramento. Neste sentindo, destacaram-se as atividades onde os educandos desenvolveram o plantio na horta utilizando as embalagens das sementes do pimentão e tomate. Ao trazer esse tipo de material para o trabalho na “Horta Escolar”, a monitora pode desenvolver a possibilidade para se trabalhar o gênero textual “rótulo de embalagens”, pois foi necessário que os educandos lessem as instruções do produto para executar a atividade. Outra possibilidade que pôde ser desenvolvida para trabalhar o letramento nessa mesma atividade foi a prática de produção de texto a partir de exposição oral, pois observou-se que a monitora pediu que os educandos anotassem algumas informações técnicas importantes que deveriam ser retomadas na semana seguinte para a conclusão do trabalho. Ações dessa natureza, quando articuladas ao trabalho com projetos podem contribuir para que os educandos possam reconstruir suas representações a respeito da real funcionalidade da leitura e da escrita em seu cotidiano, permitindo o avanço em seu aprendizado.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.