Artigo Anais SEMLICA

ANAIS de Evento

ISSN: 2317-9333

Visualizações: 41
ESTUDO QUANTITATIVO DAS ATIVIDADES DE PESQUISA E EXTENSÃO DO DEPARTAMENTO DE AGRÁRIAS E EXATAS DA UEPB, CAMPUS IV - CATOLÉ DO ROCHA (PB)

Resumo

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), especificamente o Campus IV, situado no município de Catolé do Rocha, encontra-se em franca expansão educacional e tecnológica, suprindo cada vez mais a comunidade da microrregião que atende. Contudo, informações quantitativas a cerca da produtividade dos docentes e discentes do Campus IV ainda é escassa. Diante disso, este trabalho reuniu informações sobre a produção científica em pesquisa e extensão de docentes e, indiretamente, do corpo discente integrante do Departamento de Agrárias e Exatas (DAE) do Campus IV. Para a coleta de dados, considerou-se a produção científica e extensionista, cadastrada na plataforma do Currículo Lattes/CNPq, do corpo docente ativo e vinculado ao DAE. Os dados coletados foram exclusivamente aqueles da produção em andamento ou concluída no ano de 2012. De acordo com a coleta de dados, o Campus IV da UEPB apresentou um quadro de 28 professores sendo que 75% encontram-se cadastrados na plataforma do Currículo Lattes. Destes professores, 57% são Doutores, 38% Mestres e apenas 5% são Graduados. Dos professores, 33% estão envolvidos apenas com pesquisa, 24% envolvidos somente com extensão e 29% com pesquisa e extensão simultaneamente, sendo que apenas 15% não desenvolvem atividades de pesquisa e extensão. Especificamente sobre os projetos, 66% são de pesquisa e 44% de extensão. No âmbito da pesquisa, constatou-se 31 projetos em andamento, 28 artigos publicados em periódicos indexados, 12 alunos de iniciação científica em atividade, 27 trabalhos de conclusão de curso concluídos, 43 resumos e 43 resumos expandidos, tudo isso, no ano de 2012. Foi identificado, ainda que, 24% dos professores publicaram mais de dois artigos em 2012 e que cerca de 90% dos projetos geraram artigos. No âmbito da extensão, constatou-se que 52% dos professores participaram de projetos, sendo que, para cada projeto de extensão existe uma média de 5,5 alunos/projeto. Em 2012 foram executados 16 projetos, contando com a participação de 88 alunos. De acordo com o exposto, fica notória a atividade produtiva dos docentes do DAE. Contudo, ao longo da coleta de dados percebeu-se que alguns currículos estavam desatualizados a mais de seis meses, indicando que é possível que a produção ainda seja maior que a pesquisada. Ainda, pode ser concluído que o Currículo Lattes é uma fonte de pesquisa importante para quantificar a atividade do corpo docente de qualquer instituição. Esta pesquisa será continuada e pretende, em médio prazo, gerar uma série histórica mais completa a cerca da produtividade do DAE.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.