Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 189
OS JOGOS NO ENSINO DAS FUNçõES INORGâNICAS APRENDER BRINCANDO

Palavra-chaves: FUNçõES INORGâNICAS, JOGO LúDICO, INOVAçãO Pôster (PO) DIDÁTICA, CURRÍCULO E POLÍTICA EDUCACIONAL

Resumo

Atualmente verifica-se, a existência de diversas inovações tecnológicas e pedagógicas desenvolvidas para aperfeiçoar e auxiliar no processo de ensino e aprendizagem, entretanto, o professor ainda procura alternativas de motivação dos estudantes. Percebemos que o ensino de Química é na maioria das vezes, enfatizado no aspecto representacional, constituído pela observação, compreensão e interpretação da teoria proposta, ou seja, ensinado na forma de repetições e memorizações, com atividades desarticuladas causando muitas vezes a falta de interesse por parte do aluno. Sendo assim, a utilização de jogos lúdicos incentiva o pensamento interdisciplinar e o acesso a questões que podem contribuir imensamente, para a construção do conhecimento de forma mais eficaz. Nesta perspectiva, percebeu-se que o uso de jogos lúdicos em sala de aula pode possibilitar uma aprendizagem significativa, uma vez que os jogos se caracterizam por dois elementos que apresentam: o prazer e o esforço espontâneo, além de integrarem as várias dimensões do aluno, como a afetividade e o trabalho em grupo. Assim, acredita-se que a inclusão de jogos no ensino básico é uma ferramenta que pode mudar os índices de insatisfação sentida pelos alunos na disciplina. Nesta perspectiva foi realizado um estudo a partir do jogo dominó de modo a possibilitar uma didática inovadora em sala de aula, tanto para o aluno como para o professor. Evitando assim a mecanização das aulas. Para isso se utilizou de recursos como; madeira provenientes de áreas reflorestáveis, adesivos e verniz. Para a confecção desde material a principal preocupação foi em elaborar, o jogo de forma interativa e dinâmica, além de poder ser efetuada em tempo hábil em sala. Assim foi pensado em fazer um jogo químico similar ao dominó, sobre si. A elaboração desta proposta partiu dos seguintes pressupostos: a) auxiliar os professores na abordagem de funções inorgânicas; b) auxiliar os alunos a fixar e compreender o assunto de maneira mais prazerosa; c) ser confeccionado com materiais alternativos, de baixo custo e de boa durabilidade e d) chamar a atenção para as diversas possibilidades, de realizar aulas diferentes, com materiais simples. A referente proposta encontra-se pronta para ser aplicada com alunos do 1º ano do ensino médio, com o intuito de proporcionar uma maior interação entre aluno-aluno, aluno professor, favorecer o crescimento crítico e social do estudante, alem de possibilitar a aprendizagem dos mesmos.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.