Artigo Anais do V CONAPESC

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

O IMPACTO DA FARMÁCIA CLÍNICA DENTRO DE UMA INSTITUIÇÃO HOSPITALAR, FRENTE O OLHAR DO CORPO CLÍNICO NAS UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA NA CIDADE DE FOZ DO IGUAÇU- PR

Palavra-chaves: FARMACOTERAPIA, FARMACOVIGILÂNCIA, INTERVENÇÃO FARMACÊUTICA, , Comunicação Oral (Artigo Completo) AT 05: Ciências da Saúde: abordagens na Pesquisa e no Ensino
"2020-12-10 10:13:23"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 73136
    "edicao_id" => 148
    "trabalho_id" => 561
    "inscrito_id" => 1406
    "titulo" => "O IMPACTO DA FARMÁCIA CLÍNICA DENTRO DE UMA INSTITUIÇÃO HOSPITALAR, FRENTE O OLHAR DO CORPO CLÍNICO NAS UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA NA CIDADE DE FOZ DO IGUAÇU- PR"
    "resumo" => "O FARMACÊUTICO CLÍNICO EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI) REALIZA FARMACOVIGILÂNCIA, COM O PROPÓSITO DE PROMOVER O USO RACIONAL DE MEDICAMENTOS (URM) E SEGURANÇA DO PACIENTE (SP), ALÉM DE REDUZIR CUSTOS E EVITAR PROBLEMAS RELACIONADOS A MEDICAMENTOS (PRM). O FARMACÊUTICO CLÍNICO VEM CONQUISTANDO SEU ESPAÇO, DEMONSTRANDO A SUA IMPORTÂNCIA JUNTO À EQUIPE MULTIDISCIPLINAR NO MONITORAMENTO DA FARMACOTERAPIA. PORTANTO, O ESTUDO OBJETIVOU AVALIAR A PERCEPÇÃO DOS MÉDICOS ACERCA DA IMPORTÂNCIA DO FARMACÊUTICO NAS UTI’S. TRATOU-SE DE UM ESTUDO TRANSVERSAL ACERCA DO NÍVEL DE CONCORDÂNCIA, DE ACORDO COM A ESCALA DE LIKERT. A COLETA DE DADOS FOI REALIZADA POR UM QUESTIONÁRIO SOCIOPROFISSIONAL E UM CHECKLIST DE PERGUNTAS SEMIESTRUTURADAS SOBRE O PAPEL FARMACÊUTICO CLÍNICO NA FARMACOVIGILÂNCIA EM UTI. O ESTUDO ABORDOU VINTE E SEIS INDIVÍDUOS (N=26) QUE COMPUSERAM A AMOSTRA. A PARTIR DA ANÁLISE DOS RESULTADOS FOI POSSÍVEL OBSERVAR QUE 80% (N=21) DOS MÉDICOS CONCORDAM QUE O FARMACÊUTICO É UMA FONTE CONFIÁVEL DE INFORMAÇÃO SOBRE MEDICAMENTOS DA PRÁTICA CLÍNICA DIÁRIA E DETECTAM PREVIAMENTE FALHAS NAS PRESCRIÇÕES DE MEDICAMENTOS; 77% (N=20) RECONHECEM A IMPORTÂNCIA DO FARMACÊUTICO NA IDENTIFICAÇÃO DE PRM; 88% (N=23) AFIRMAM QUE O FARMACÊUTICO MONITORA O PACIENTE POR MEIO DE FARMACOVIGILÂNCIA E AINDA 84% (N=22) DOS PRESCRITORES AFIRMAM PODER CONTAR COM O FARMACÊUTICO PARA ACONSELHAMENTO DE VIABILIDADE ECONÔMICA NA ESCOLHA DE UMA TERAPIA MEDICAMENTOSA. ASSIM, A PARTIR DA PESQUISA FOI POSSÍVEL AVALIAR QUE O CORPO CLÍNICO DA UTI INVESTIGADA RECONHECE E VALORIZA A FARMACOVIGILÂNCIA COMO PROMOÇÃO DO URM E DA SP."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (Artigo Completo)"
    "area_tematica" => "AT 05: Ciências da Saúde: abordagens na Pesquisa e no Ensino"
    "palavra_chave" => "FARMACOTERAPIA, FARMACOVIGILÂNCIA, INTERVENÇÃO FARMACÊUTICA, , "
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV138_MD1_SA22_ID1406_23112020125334.pdf"
    "created_at" => "2020-12-11 08:02:07"
    "updated_at" => null
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ADRIANA GRUBER MARTINS"
    "autor_nome_curto" => "ADRIANA GRUBER"
    "autor_email" => "adrigruber.ag@gmail.com"
    "autor_ies" => "FACULDADE FOZ DO IGUAÇU (FAFIG)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-do-v-conapesc"
    "edicao_nome" => "Anais do V CONAPESC"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Ciências"
    "edicao_ano" => 2020
    "edicao_pasta" => "anais/conapesc/2020"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "5fd21ef3c4d39_10122020101323.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2020-12-10 10:13:23"
    "publicacao_id" => 28
    "publicacao_nome" => "Anais do Conapesc"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 73136
    "edicao_id" => 148
    "trabalho_id" => 561
    "inscrito_id" => 1406
    "titulo" => "O IMPACTO DA FARMÁCIA CLÍNICA DENTRO DE UMA INSTITUIÇÃO HOSPITALAR, FRENTE O OLHAR DO CORPO CLÍNICO NAS UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA NA CIDADE DE FOZ DO IGUAÇU- PR"
    "resumo" => "O FARMACÊUTICO CLÍNICO EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI) REALIZA FARMACOVIGILÂNCIA, COM O PROPÓSITO DE PROMOVER O USO RACIONAL DE MEDICAMENTOS (URM) E SEGURANÇA DO PACIENTE (SP), ALÉM DE REDUZIR CUSTOS E EVITAR PROBLEMAS RELACIONADOS A MEDICAMENTOS (PRM). O FARMACÊUTICO CLÍNICO VEM CONQUISTANDO SEU ESPAÇO, DEMONSTRANDO A SUA IMPORTÂNCIA JUNTO À EQUIPE MULTIDISCIPLINAR NO MONITORAMENTO DA FARMACOTERAPIA. PORTANTO, O ESTUDO OBJETIVOU AVALIAR A PERCEPÇÃO DOS MÉDICOS ACERCA DA IMPORTÂNCIA DO FARMACÊUTICO NAS UTI’S. TRATOU-SE DE UM ESTUDO TRANSVERSAL ACERCA DO NÍVEL DE CONCORDÂNCIA, DE ACORDO COM A ESCALA DE LIKERT. A COLETA DE DADOS FOI REALIZADA POR UM QUESTIONÁRIO SOCIOPROFISSIONAL E UM CHECKLIST DE PERGUNTAS SEMIESTRUTURADAS SOBRE O PAPEL FARMACÊUTICO CLÍNICO NA FARMACOVIGILÂNCIA EM UTI. O ESTUDO ABORDOU VINTE E SEIS INDIVÍDUOS (N=26) QUE COMPUSERAM A AMOSTRA. A PARTIR DA ANÁLISE DOS RESULTADOS FOI POSSÍVEL OBSERVAR QUE 80% (N=21) DOS MÉDICOS CONCORDAM QUE O FARMACÊUTICO É UMA FONTE CONFIÁVEL DE INFORMAÇÃO SOBRE MEDICAMENTOS DA PRÁTICA CLÍNICA DIÁRIA E DETECTAM PREVIAMENTE FALHAS NAS PRESCRIÇÕES DE MEDICAMENTOS; 77% (N=20) RECONHECEM A IMPORTÂNCIA DO FARMACÊUTICO NA IDENTIFICAÇÃO DE PRM; 88% (N=23) AFIRMAM QUE O FARMACÊUTICO MONITORA O PACIENTE POR MEIO DE FARMACOVIGILÂNCIA E AINDA 84% (N=22) DOS PRESCRITORES AFIRMAM PODER CONTAR COM O FARMACÊUTICO PARA ACONSELHAMENTO DE VIABILIDADE ECONÔMICA NA ESCOLHA DE UMA TERAPIA MEDICAMENTOSA. ASSIM, A PARTIR DA PESQUISA FOI POSSÍVEL AVALIAR QUE O CORPO CLÍNICO DA UTI INVESTIGADA RECONHECE E VALORIZA A FARMACOVIGILÂNCIA COMO PROMOÇÃO DO URM E DA SP."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (Artigo Completo)"
    "area_tematica" => "AT 05: Ciências da Saúde: abordagens na Pesquisa e no Ensino"
    "palavra_chave" => "FARMACOTERAPIA, FARMACOVIGILÂNCIA, INTERVENÇÃO FARMACÊUTICA, , "
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV138_MD1_SA22_ID1406_23112020125334.pdf"
    "created_at" => "2020-12-11 08:02:07"
    "updated_at" => null
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ADRIANA GRUBER MARTINS"
    "autor_nome_curto" => "ADRIANA GRUBER"
    "autor_email" => "adrigruber.ag@gmail.com"
    "autor_ies" => "FACULDADE FOZ DO IGUAÇU (FAFIG)"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-do-v-conapesc"
    "edicao_nome" => "Anais do V CONAPESC"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Ciências"
    "edicao_ano" => 2020
    "edicao_pasta" => "anais/conapesc/2020"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "5fd21ef3c4d39_10122020101323.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2020-12-10 10:13:23"
    "publicacao_id" => 28
    "publicacao_nome" => "Anais do Conapesc"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 10 de dezembro de 2020

Resumo

O FARMACÊUTICO CLÍNICO EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI) REALIZA FARMACOVIGILÂNCIA, COM O PROPÓSITO DE PROMOVER O USO RACIONAL DE MEDICAMENTOS (URM) E SEGURANÇA DO PACIENTE (SP), ALÉM DE REDUZIR CUSTOS E EVITAR PROBLEMAS RELACIONADOS A MEDICAMENTOS (PRM). O FARMACÊUTICO CLÍNICO VEM CONQUISTANDO SEU ESPAÇO, DEMONSTRANDO A SUA IMPORTÂNCIA JUNTO À EQUIPE MULTIDISCIPLINAR NO MONITORAMENTO DA FARMACOTERAPIA. PORTANTO, O ESTUDO OBJETIVOU AVALIAR A PERCEPÇÃO DOS MÉDICOS ACERCA DA IMPORTÂNCIA DO FARMACÊUTICO NAS UTI’S. TRATOU-SE DE UM ESTUDO TRANSVERSAL ACERCA DO NÍVEL DE CONCORDÂNCIA, DE ACORDO COM A ESCALA DE LIKERT. A COLETA DE DADOS FOI REALIZADA POR UM QUESTIONÁRIO SOCIOPROFISSIONAL E UM CHECKLIST DE PERGUNTAS SEMIESTRUTURADAS SOBRE O PAPEL FARMACÊUTICO CLÍNICO NA FARMACOVIGILÂNCIA EM UTI. O ESTUDO ABORDOU VINTE E SEIS INDIVÍDUOS (N=26) QUE COMPUSERAM A AMOSTRA. A PARTIR DA ANÁLISE DOS RESULTADOS FOI POSSÍVEL OBSERVAR QUE 80% (N=21) DOS MÉDICOS CONCORDAM QUE O FARMACÊUTICO É UMA FONTE CONFIÁVEL DE INFORMAÇÃO SOBRE MEDICAMENTOS DA PRÁTICA CLÍNICA DIÁRIA E DETECTAM PREVIAMENTE FALHAS NAS PRESCRIÇÕES DE MEDICAMENTOS; 77% (N=20) RECONHECEM A IMPORTÂNCIA DO FARMACÊUTICO NA IDENTIFICAÇÃO DE PRM; 88% (N=23) AFIRMAM QUE O FARMACÊUTICO MONITORA O PACIENTE POR MEIO DE FARMACOVIGILÂNCIA E AINDA 84% (N=22) DOS PRESCRITORES AFIRMAM PODER CONTAR COM O FARMACÊUTICO PARA ACONSELHAMENTO DE VIABILIDADE ECONÔMICA NA ESCOLHA DE UMA TERAPIA MEDICAMENTOSA. ASSIM, A PARTIR DA PESQUISA FOI POSSÍVEL AVALIAR QUE O CORPO CLÍNICO DA UTI INVESTIGADA RECONHECE E VALORIZA A FARMACOVIGILÂNCIA COMO PROMOÇÃO DO URM E DA SP.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.