Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 167
ANÁLISE DOS FATORES ECONÔMICOS E SOCIAIS DA EVASÃO DA EJA NA ESCOLA SÃO JOSÉ DE LIMOEIRO-PERNAMBUCO

Palavra-chaves: EVASÃO, EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS, PROGRAMAS DE GOVERNO Pôster (PO) EDUCAÇÃO DE PESSOAS JOVENS E ADULTAS

Resumo

O presente estudo faz uma abordagem histórica da Educação de Jovens e Adultos (EJA) apresentando como objetivo geral determinar fatores econômicos e sociais que incidiram na evasão de alunos da Educação de Jovens e Adultos da Escola São José de Limoeiro no Estado de Pernambuco. Para tanto, estabeleceu-se objetivos como: Identificar a porcentagem de abandono escolar na modalidade de Jovens e Adultos da Escola; identificar os fatores que contribuiram na evasão da EJA; articular ações com os órgãos competentes para combater a evasão. A investigação se baseou no modelo não experimental, transversal e descritivo com enfoque qualitativo e quantitativo. Aplicou-se um questionário a uma população de 60 alunos da escola do ensino Fundamental da modalidade EJA que se evadiram e retornaram aos estudos na referida escola. Os resultados mostraram que os alunos haviam interrompido os estudos para trabalhar, por falta de interesse, problemas familiares, matrimônio e retornaram aos estudos por causa da demanda do mercado de trabalho, por vontade de concluir os estudos e por progressão na profissão. Estes alunos apresentaram maior dificuldade para aprender as disciplinas de matemática, inglês e português. De acordo com os gráficos e tabelas analisados, as turmas de 5ª, 6ª, 7ª e 8ª séries apresentaram um alto índice de evasão nos anos de 2009 a 2011. A pesquisa consta de uma análise comparativa dos investimentos financeiros das esferas governamentais dos alunos matriculados e evadidos da EJA nos anos de 2009 a 2011, assim como a identificação do valor aluno ano como despesa para o Estado. Para reverter o quadro de analfabetismo e evasão na EJA, os governos federal, estadual e municipal criaram Programas voltados para erradicar o analfabetismo e diminuir o número de alunos evadidos na educação de Jovens e Adultos. Conclui-se que é possível com a participação responsável e consciente da escola e dos órgãos públicos competentes implementar ações que ajudem na erradicação do analfabetismo e na diminuição da evasão escolar da EJA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.