Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 187
A RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS CURIOSOS: UMA EXPERIÊNCIA COM PROBLEMAS DE MALBA TAHAN

Palavra-chaves: RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS, ENSINO DE MATEMÁTICA, ESTRATÉGIA DIDÁTICA Pôster (PO) EDUCAÇÃO MATEMÁTICA

Resumo

A Matemática é uma área do conhecimento muito importante no desenvolvimento da humanidade, dessa forma, a resolução de problemas se constitui como a essência da Matemática. Portanto, o uso da resolução de problemas como estratégia didática para o ensino da Matemática proporciona uma mobilização de saberes no sentido de buscar o desenvolvimento do pensamento matemático do aluno. Sendo assim, autores como Dante (1998; 2010) e Schoenfeld (1985) afirmam que a resolução de problemas desenvolve nos alunos a criatividade, o raciocínio lógico, a autoconfiança, entre outras capacidades. Dessa forma, o principal objetivo deste trabalho é buscar identificar até que ponto a utilização de problemas matemáticos em sala podem despertar a curiosidade dos alunos em resolvê-los.O caminho escolhido para o desenvolvimento deste trabalho será como uma oficina de problemas curiosos que se realizará da seguinte forma: inicialmente uma apresentação sobre a historia da resolução de problemas, evidenciando o que é um problema, quais as concepções sobre a resolução de problemas e quais as contribuições para o ensino-aprendizagem da Matemática, em seguida apresentaremos a importância do uso da resolução de problemas matemáticos no ensino fundamental, e por fim trabalharemos dez problemas curiosos no intuito de mostrar a importância de despertar o interesse e o pensamento critico dos alunos ao resolverem tais problemas, problemas estes que serão retirados de livros de Malba Tahan (1965; 1973).Portanto, quando os alunos são motivados e desafiados com situações que os levam a buscar uma solução, isso faz com que desenvolvam muitas habilidades e construam seus próprios conhecimentos. Dessa forma, são evidentes as contribuições para o ensino-aprendizagem da Matemática, proporcionadas por uma estratégia de ensino pautada na resolução de problemas. É importante destacar também, como isso pode criar no aluno a capacidade de desenvolver o pensamento matemático, não se restringindo a exercícios rotineiros.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.