Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

A LUDICIDADE COMO RECURSO PEDAGÓGICO EM MATEMÁTICA

Palavra-chaves: LUDICIDADE, POLIMINÓS, MATEMÁTICA Comunicação Oral (CO) EDUCAÇÃO MATEMÁTICA Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Na Educação Básica, geralmente a Geometria é pouco desenvolvida e por isso, muitas vezes, os alunos têm um conhecimento fraco de seus conteúdos. Normalmente, a matemática e a geometria plana são expostas aos alunos como uma série de nomes e fatos que devem ser memorizados, sem nenhum desafio, sem nenhuma relação com o seu cotidiano. Desta forma, ao abordarmos conteúdos da Geometria Plana, pretendemos envolver os alunos em atividades lúdicas que os reaproximem da matemática e da geometria por meio da investigação e da possibilidade de relacionar conteúdos escolares com algo criativo e verdadeiro. Decidimos trabalhar com a construção matemática e geométrica por meio de análise e construção de figuras planas, utilizando mosaicos e poliminós.Os poliminós são figuras geométricas formadas a partir da justaposição de quadrados iguais pelos seus lados, onde dependendo do número de quadrados utilizados podemos denominá-los como: monominó, dominó, triminó, tetraminó, pentaminó, entre outros. Com as peças dos poliminós podemos montar diversas formas recobrindo as malhas quadriculadas através de atividades interativas onde os alunos serão estimulados a obter resultados concretos, com base nessa diversidade é possível trabalhar os conceitos de área, perímetro, semelhança e equivalência de figuras planas, unidades de medidas não convencionais e figuras convexas e não convexas; possibilitando ao educador um recurso lúdico para auxiliar no ensino e aprendizagem desses conteúdos, estimulando a percepção espacial, o raciocínio lógico e a concentração dos alunos. O presente artigo é um convite á reflexão sobre a importância da ludicidade como recurso pedagógico em matemática e expõe uma experiência com poliminós. Apresenta, ainda, relatos acerca da realização de atividades, envolvendo esse material, que foram realizadas em salas de aula. O trabalho está em desenvolvimento, mas tem alguns resultados significativos para serem discutidos, tendo como público, alunos do ensino fundamental II, do 6º(sexto) ao 9º (nono) ano, que frequentam as aulas de estimulação cognitiva do Mente Rápida, Campina Grande-PB, que apresenta como metodologia o uso de material lúdico como recurso para o ensino e aprendizagem de crianças e adolescentes, tendo como meta a compreensão entre outras, da disciplina de matemática de forma prazerosa.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.