Artigo E-book IV DESFAZENDO GÊNERO

E-books

ISBN: 978-65-86901-06-1

Visualizações: 311
CONSTRUÇÃO POÉTICA DE IDENTIDADES TRANS: UMA ANÁLISE A PARTIR DA BIOGRAFIA DE LINIKER

Palavra-chaves: IDENTIDADE DE GÊNERO, SELF, PSICOLOGIA SEMIÓTICO-CULTURAL, TEORIA QUEER, E-book

Resumo

A IDENTIDADE DE GÊNERO TEM SIDO OBJETO DE ESTUDO DE DIVERSAS CIÊNCIAS E É COMPREENDIDA COMO UM FENÔMENO DE NATUREZA SOCIAL. É, PORTANTO, CONSTRUÍDA AO LONGO DAS TRAJETÓRIAS DE VIDA. PARTE DAS DINÂMICAS IDENTITÁRIAS INDIVIDUAIS PODE SER ENTENDIDA COMO MOVIMENTOS ARTÍSTICO- POÉTICOS. O PRESENTE TRABALHO FOI REALIZADO COMO PARTE DE UMA DISCIPLINA DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM PSICOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA. INTITULADA A CONSTRUÇÃO POÉTICA DO SELF, A DISCIPLINA TEVE POR OBJETIVO COMPREENDER A RELAÇÃO ENTRE ARTE E IDENTIDADE. DE MODO A CUMPRIR COM ESTE OBJETIVO, FOI REALIZADO UM TRABALHO ANALÍTICO- INTERPRETATIVO ONDE ANALISAMOS A TRAJETÓRIA DE ALGUM ARTISTA, COMPREENDENDO A CONSTRUÇÃO POÉTICA DE SUAS IDENTIDADES. FORAM UTILIZADOS COMO REFERENCIAIS TEÓRICOS A PSICOLOGIA SEMIÓTICO-CULTURAL E O MODELO PERFORMATIVO-TEATRAL BUTLERIANO. A PARTIR DA TRAJETÓRIA DA CANTORA LINIKER, FOI POSSÍVEL COMPREENDER A IDENTIDADE DE GÊNERO COMO UM PROCESSO FLUIDO E PERMEADO PELA CONSTRUÇÃO DE SIGNIFICADO E ATRIBUIÇÃO DE SENTIDO. O CORPO É ANALISADO ENQUANTO UM LUGAR PRIVILEGIADO DE TRANSFORMAÇÃO SIMBÓLICA, EVIDENCIADA A PARTIR DAS EXPERIMENTAÇÕES E TRANSIÇÕES LEVADAS A CABO E EVIDENTES NA HISTÓRIA DE LINIKER.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.